Mercado fechado
  • BOVESPA

    96.582,16
    +1.213,40 (+1,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    36.801,37
    -592,34 (-1,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    36,03
    -0,14 (-0,39%)
     
  • OURO

    1.866,40
    -1,60 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    13.458,83
    -84,09 (-0,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    264,05
    +21,37 (+8,80%)
     
  • S&P500

    3.310,11
    +39,08 (+1,19%)
     
  • DOW JONES

    26.659,11
    +139,16 (+0,52%)
     
  • FTSE

    5.581,75
    -1,05 (-0,02%)
     
  • HANG SENG

    24.586,60
    -122,20 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    23.331,94
    -86,57 (-0,37%)
     
  • NASDAQ

    11.187,00
    -155,75 (-1,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7428
    +0,0084 (+0,12%)
     

Criança morre desidratada depois de ser obrigada a pular em cama elástica sob calor de 37 graus

·1 minuto de leitura
Casal é preso depois de submeter castigos físicos que mataram menina no Texas - Foto: Departamento de Polícia de Odessa
Casal é preso depois de submeter castigos físicos que mataram menina no Texas - Foto: Departamento de Polícia de Odessa

Um casal foi preso nesta terça-feira (13) depois que a polícia de Odessa, no Texas, descobriu detalhes sobre a morte de uma criança de apenas oito anos, no fim de agosto deste ano. Segundo os investigadores, Daniel e Ashley Schwarz, tutores responsáveis, teriam castigado a menina, obrigando-a a pular em uma cama elástica durante uma manhã de forte calor. As informações são do New York Post.

Além do esforço físico intenso realizado a altas temperaturas, o casal impôs outra punição à criança: proibiram a alimentação durante toda a manhã e não deixaram a menina tomar agua enquanto fazia o exercício.

Leia também

Odessa é uma cidade conhecida por suas altas temperaturas no já quente estado do Texas. No dia 29 de agosto, dia da morte da menina, há registros de que a temperatura girava em torno de 37 graus°C.

Uma denúncia anônima foi realizada e, pouco depois da chegada dos agentes de segurança, a criança faleceu.

Segundo o jornal, a Polícia do Texas apresentou novos detalhes da morte da criança. De acordo com o laudo médico, a causa da morte da criança foi desidratação, causada exatamente pela prática de atividade física sob calor intenso.

Os dois não são os pais biológicos da garota. Nesta terça-feira, Daniel e Ashley foram presos e levados para o Ector County Law Enforcement Center, onde ficaram detidos.