Mercado fechado
  • BOVESPA

    118.328,99
    -1.317,01 (-1,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.810,21
    -315,49 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,98
    -0,15 (-0,28%)
     
  • OURO

    1.867,00
    +1,10 (+0,06%)
     
  • BTC-USD

    29.702,91
    +170,38 (+0,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    583,70
    -96,20 (-14,15%)
     
  • S&P500

    3.853,07
    +1,22 (+0,03%)
     
  • DOW JONES

    31.176,01
    -12,39 (-0,04%)
     
  • FTSE

    6.715,42
    -24,97 (-0,37%)
     
  • HANG SENG

    29.927,76
    -34,74 (-0,12%)
     
  • NIKKEI

    28.632,42
    -124,44 (-0,43%)
     
  • NASDAQ

    13.369,50
    -26,00 (-0,19%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5110
    +0,0026 (+0,04%)
     

Crescimento empresarial da zona do euro fica praticamente estagnado em novembro, mostra PMI

LONDRES (Reuters) - O crescimento empresarial da zona do euro ficou praticamente estagnado em novembro uma vez que a atividade no dominante setor de serviços aumentou a um ritmo muito mais fraco do que o esperado e houve contração na indústria novamente, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) nesta sexta-feira.

O PMI Composto preliminar do IHS Markit ficou em 50,3 neste mês, de 50,6 em outubro e muito perto da marca de 50 que separa crescimento de contração.

Esse resultado ficou abaixo de todas as expectativas em pesquisa da Reuters cuja mediana era de 50,9 e próximo de uma mínima em mais de seis anos vista em setembro.

O PMI de novembro indica crescimento do PIB de 0,1% neste trimestre, disse o IHS Markit, contra 0,2% no trimestre passado e previsão de 0,2% em pesquisa da Reuters.

O PMI do setor de serviços caiu para a mínima de 10 meses de 51,5 ante 52,2. Essa leitura também ficou abaixo de todas as expectativas em pesquisa da Reuters, que indicava leitura de 52,5.

A indústria mostrou um sinal ligeiramente mais positivo, mas o PMI do setor mostrou que a atividade contraiu pelo 10º mês, com o indicador subindo a 46,6 de 45,9, acima da expectativa de 46,4.

(Reportagem de Jonathan Cable)