Mercado abrirá em 7 h 22 min

Credit Suisse, Goldman vão assessorar AES Corp em oferta: Fontes

Cristiane Lucchesi e Felipe Marques

(Bloomberg) -- A AES Corp, controladora da AES Tietê, escolheu o Goldman Sachs e o Credit Suisse como assessores financeiros para avaliar a proposta que a unidade brasileira recebeu da concorrente Eneva, segundo pessoas familiarizadas com o assunto, que pediram para não ser identificadas pois as informações não são públicas.

No dia 1 de março, a Eneva, que tem como sócios a família Moreira Salles e o BTG Pactual, propôs trocar 0,2305 de suas ações com direito a voto mais R$ 6,89 em dinheiro por cada unit da AES Tietê. A AES Tietê pediu mais informações para avaliar a proposta, que totaliza cerca de R$ 6,68 bilhões.

No dia 13, a empresa aprovou a contratação de assessores legais e financeiros para auxiliarem “em relação à oferta hostil” apresentada pela Eneva, segundo comunicado, sem especificar nomes dos assessores.

O Credit Suisse, o Goldman Sachs e a AES Tietê não quiseram comentar.

Para entrar em contato com os repórteres: Cristiane Lucchesi em São Paulo, clucchesi5@bloomberg.net;Felipe Marques em São Paulo, fmarques10@bloomberg.net

Para entrar em contato com a editoria responsável: Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.net

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2020 Bloomberg L.P.