Mercado abrirá em 3 h 19 min
  • BOVESPA

    106.363,10
    -56,43 (-0,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.714,60
    -491,99 (-0,94%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,24
    -0,42 (-0,51%)
     
  • OURO

    1.803,70
    +4,90 (+0,27%)
     
  • BTC-USD

    59.888,04
    +555,87 (+0,94%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.447,59
    -26,74 (-1,81%)
     
  • S&P500

    4.551,68
    -23,11 (-0,51%)
     
  • DOW JONES

    35.490,69
    -266,19 (-0,74%)
     
  • FTSE

    7.221,22
    -32,05 (-0,44%)
     
  • HANG SENG

    25.555,73
    -73,01 (-0,28%)
     
  • NIKKEI

    28.820,09
    -278,15 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    15.631,50
    +44,25 (+0,28%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4511
    +0,0264 (+0,41%)
     

CRB vence, recupera sua vaga no G-4 e afunda o Brasil de Pelotas na lanterna

·4 minuto de leitura


Buscando sua recuperação para seguir com chances de permanecer na Série B do Campeonato Brasileiro em 2022, o Brasil de Pelotas só pensava em uma coisa antes do confronto diante o CRB, nesta terça-feira, no Bento Freitas, pela 25ª rodada: vencer. Entretanto, mesmo com o apoio da torcida, que marcou presença nas dependências do estádio, porém em número bastante reduzido, além de cumprir todos os protocolos de prevenção à Covid-19, o Xavante, mesmo com ditando o ritmo em boa parte do jogo, não contava com o gol de Diego Torres, na etapa final, garantindo mais uma vitória ao Galo na competição.

Com o resultado, a equipe comandada por Allan Aal chegou aos 44 pontos, conseguindo recuperar o 4º lugar, abrindo três de vantagem para o Guarani, que havia derrotado o Remo na rodada. Por outro lado, o time comandado por Cléber Gaúcho, por conta de mais um tropeço, permaneceu na última posição com seus 16 pontos.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

BRASIL IMPÕE RITMO FORTE NO INÍCIO

Fazendo valer o fator casa, a equipe do Brasil de Pelotas, nos primeiros movimentos, tratou de ir para cima do CRB em busca de encontrar seu gol. Entretanto, apesar de explorar mais seu campo de ataque, acabou esbarrando nas boas intervenções do goleiro Diogo Silva, como no chute de Wesley.

Com o tempo passando, o Xavante ainda seguia melhor. Até meados dos 20 minutos, chegou a criar mais duas chances de gol com Caio Rangel e Leandro Camilo, porém, aos poucos, o Galo foi conseguindo equilibrar mais as ações, também oferecendo perigo a Marcelo, nos chutes de Pablo Dyego e Diego Torres.

XAVANTE TEM GOL ANULADO PELO VAR

Já na reta final da primeira etapa, a equipe local até conseguiu chegar a abrir a contagem com Erison. Entretanto, após checagem do VAR, o árbitro acabou anulando o tento, já que foi flagrado um toque no braço do atacante antes da bola balançar as redes, para frustração da torcida e do atleta.

Até os acréscimos, a equipe comandada por Cléber Gaúcho ainda tentou mais algumas vezes buscar seu gol, porém, sem êxito nas chances, o placar não sofreu alterações.

INÍCIO DE SEGUNDO TEMPO EQUILIBRADO, MAS CRB ENCONTRA SEU GOL

Apenas com uma alteração na volta para a etapa final, com João Siqueira entrando no lugar de Paulinho, o Brasil não estava disposto mesmo a deixar o marcador zerado. Mesmo imprimindo um bom ritmo nos primeiros minutos, a equipe local praticamente não deu trabalho a Diogo Silva, já que a zaga do CRB mostrava-se atenta a cada chegada, afastando a bola para longe.

Ao contrário da pressão que sofreu no começo do jogo, o Galo, desta vez, optou por uma postura mais ofensiva. E seu deu bem. Em meados dos 25 minutos, em jogada iniciada em uma roubada de bola, Jajá foi acionado conseguindo avançar pelo meio encontrando Diego Torres, em ótimas condições, tendo o único trabalho de tocar na saída do goleiro para fazer 1 a 0.

EQUIPE ALAGOANA SEGURA O RESULTADO

Em vantagem no placar, os visitantes mostravam alívio em campo após o tento de seu camisa 10. Sendo assim, até os acréscimos, o técnico Allan Aal, tentando neutralizar uma possível reação em busca do empate por parte dos donos da casa, apostou em algumas substituições, além de se fechar até o apito final do árbitro Emerson Ricardo de Almeida Andrade, decretando mais um trinfo do Galo na competição.

FICHA TÉCNICA
BRASIL DE PELOTAS 0x1 CRB

Data e horário: 21/09/2021, às 19h (de Brasília)
​Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS)
Árbitro: Emerson Ricardo de Almeida Andrade (CBF-BA)
Assistentes: Paulo de Tarso Bregalda Gussen (CBF-BA) e Luanderson Lima dos Santos (CBF-BA)
VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (CBF-RN)

Cartões Amarelos: Ewerton Páscoa, 40'/1ºT; Ícaro, 20'/2ºT; Rômulo, 35'/2ºT; Erison, 49'/2ºT; Gabriel Poveda, 49'/2ºT

Gols: Diego Torres, 25'/2ºT (1-0)


BRASIL DE PELOTAS: Marcelo; Vidal, Ícaro, Leandro Camilo e Paulinho (João Siqueira, no intervalo); Rômulo, Wesley (Bruno Matias, 22'/2ºT), Gabriel Terra (Renatinho, aos 33'/2ºT) e Rildo (Gabriel Poveda, aos 33'/2ºT); Erison e Caio Rangel (Rone, aos 22'/2ºT).
(Técnico: Cléber Gaúcho)

CRB: Diogo Silva; Reginaldo, Ewerton Páscoa, Caetano e Celsinho; Mathã, Wesley e Diego Torres (Jean Patrick, aos 42'/2ºT); Pablo Dyego, Jajá e Alisson Farias (Erik, aos 38'/2ºT).
(Técnico: Allan Aal)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos