Mercado fechará em 3 h 44 min
  • BOVESPA

    111.970,82
    -2.457,36 (-2,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.327,92
    -358,11 (-0,68%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,87
    +0,43 (+0,52%)
     
  • OURO

    1.771,80
    +6,10 (+0,35%)
     
  • BTC-USD

    62.704,49
    +709,24 (+1,14%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.458,82
    -4,54 (-0,31%)
     
  • S&P500

    4.515,13
    +28,67 (+0,64%)
     
  • DOW JONES

    35.453,15
    +194,54 (+0,55%)
     
  • FTSE

    7.214,18
    +10,35 (+0,14%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.370,75
    +80,25 (+0,52%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4802
    +0,0887 (+1,39%)
     

Covid-19 tem uma recuperação diferente para cada tipo de transplante, diz estudo

·2 minuto de leitura

De acordo com um recente estudo conduzido no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FM-USP), a covid-19 tem um comportamento diferente para cada tipo de transplante que é realizado.

Os pesquisadores notaram, por exemplo, que as pessoas que passaram por um transplante de fígado e depois contraíram a COVID-19 tiveram recuperação mais rápida e processo inflamatório muito menor do que os transplantados de coração ou rim.

Para compreender melhor essa relação, os pesquisadores analisaram a evolução da covid-19 em 39 receptores de órgãos. Desse total, 25 receberam transplante de rim, sete de coração e sete de fígado. Os dados foram comparados com outros 25 pacientes com covid-19 não transplantados. Os participantes do estudo foram monitorados diariamente.

Na prática, o grupo notou que transplantes de coração e rim exigem um uso maior de medicamentos imunossupressores que os transplantes de fígado. Entretanto, os pesquisadores mencionam que a provável relação entre a quantidade de imunossupressores e a evolução da covid-19 entre transplantados se trata apenas de uma hipótese, que ainda precisa ser investigada com maior profundidade.

Covid-19 tem uma recuperação diferente para cada tipo de transplante (Imagem: kjpargeter/Freepik)
Covid-19 tem uma recuperação diferente para cada tipo de transplante (Imagem: kjpargeter/Freepik)

A hipótese é que essa imunossupressão poderia ser benéfica para casos de hiperativação do sistema imunológico, como ocorre na chamada tempestade de citocina típica da covid-19 grave, tendo em mente que o organismo responde de maneira exagerada à infecção e isso acaba eventualmente sendo letal para os pacientes.

A ideia agora é avaliar a infecção pelo SARS-CoV-2 em indivíduos que estão sob tratamento com imunossupressores ou imunomoduladores, como é o caso de pacientes com psoríase, dermatite atópica ou que fazem uso de antirretrovirais (portadores de HIV). Você pode conferir o estudo completo aqui.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos