Mercado fechará em 1 h 11 min
  • BOVESPA

    129.989,60
    -218,36 (-0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.858,17
    -171,37 (-0,34%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,15
    +1,27 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.858,50
    -7,40 (-0,40%)
     
  • BTC-USD

    40.670,62
    +920,74 (+2,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.011,28
    +0,67 (+0,07%)
     
  • S&P500

    4.250,29
    -4,86 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    34.329,61
    -64,14 (-0,19%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.023,25
    -101,50 (-0,72%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1288
    -0,0027 (-0,04%)
     

Covid-19: sistema de rastreamento salva mais de 4 mil vidas no Reino Unido

·2 minuto de leitura
Covid-19: sistema de rastreamento salva mais de 4 mil vidas no Reino Unido
Covid-19: sistema de rastreamento salva mais de 4 mil vidas no Reino Unido

Em 2020, o Google e a Apple lançaram um sistema de rastreamento API de notificação de exposição da Covid-19 e vários países, como Estados Unidos e Reino Unido, aderiram ao recurso em seus aplicativos. A tecnologia usa o Bluetooth para rastrear o contato e alertar os usuários sobre a possível exposição ao vírus, portanto, salvando vidas de diversas pessoas.

Desde o lançamento em junho de 2020 até agora, a eficácia do sistema de rastreamento era obscuro ou inconclusivo. Entretanto, um novo estudo publicado na Nature com a participação de 13 autores explorou os resultados na Inglaterra e País de Gales.

A pesquisa concluiu que o aplicativo pode ter salvado de 4.200 a 8.700 vidas na região, levando em consideração que até o momento, o Reino Unido contabiliza mais de 128.000 vítimas pelo coronavírus.

Além disso, o sistema de rastreamento consegue evitar casos. O estudo indica que cada aumento de ponto percentual no uso do aplicativo resultou em uma redução de 0,79% nos casos. “Nossa análise sugere que um grande número de casos Covid-19 foram evitados por rastreamento de contato através do aplicativo NHS, variando de aproximadamente 100.000 a 900.000 dependendo dos detalhes metodológicos”, explicou a pesquisa.

A integração do aplicativo foi vista como um recurso importante pois “os testes ordenados por meio do aplicativo acionam ações automaticamente, sem exigir que o usuário insira o resultado no aplicativo.”

Ademais, o estudo disse que aqueles que instalam o aplicativo podem “manter uma distância maior dos outros do que de outra forma teriam feito, cientes de que o aplicativo monitora a distância e pode aconselhar a quarentena posteriormente”.

A Apple e o Google disponibilizaram notificações de exposição Covid-19 sem aplicativos em seus dispositivos, desde setembro de 2020. “O uso de smartphones já é global e, portanto, os aplicativos de rastreamento de contatos que preservam a privacidade devem ser integrados ao kit de ferramentas de saúde pública ”, finalizou o estudo.

Leia mais:

Fonte: Android Authority

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!