Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    47.916,30
    +507,20 (+1,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Covid-19: gestantes e puérperas podem ser vacinadas em mutirão no DF

·1 minuto de leitura

Gestantes e puérperas podem ser vacinadas no mutirão de vacinação contra a covid-19 do Distrito Federal. O esforço concentrado começou hoje (23) e vai até domingo. Os dois públicos foram incluídos nos grupos passíveis de imunização, juntamente com as faixas etárias a partir dos 37 anos.

Os locais serão distribuídos por idade e por critérios específicos. Gestantes e puérperas só podem receber a vacina em determinados locais.

Alguns postos só aplicarão a primeira dose. Outros com primeira e segunda doses, e locais somente com segunda dose. A relação dos locais e quais tipos de doses foi disponibilizada no site do governo.

Deverão ser disponibilizadas cerca de 100 mil doses. Diferentemente da dinâmica adotada até o momento na capital, não haverá a necessidade de agendamento. A mudança foi feita diante de reclamações das dificuldades de cidadãos conseguirem realizar a marcação da aplicação das doses.

Em oportunidades anteriores de abertura de vacinação, o preenchimento das vagas ocorreu em menos de uma hora. Para responder às críticas, o Governo do Distrito Federal informou que irá ampliar os postos de vacinação de 54 para cerca de 100, espalhados em diferentes pontos da capital. Segundo o governo, 35 mil pessoas foram vacinadas na manhã de hoje. No sábado e no domingo a vacinação ocorrerá entre as 9h e as 17h.

Depois do mutirão, segundo a Secretaria de Saúde, pessoas dentro das faixas etárias poderão seguir procurando os postos destinados para a aplicação de imunizantes. Contudo, a vacinação estará condicionada à chegada de doses.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos