Mercado fechará em 6 h 23 min
  • BOVESPA

    109.969,44
    -611,35 (-0,55%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    0,00 (0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,40
    +0,63 (+0,57%)
     
  • OURO

    1.850,70
    -14,70 (-0,79%)
     
  • BTC-USD

    29.663,74
    +409,32 (+1,40%)
     
  • CMC Crypto 200

    658,52
    -12,48 (-1,86%)
     
  • S&P500

    3.951,42
    +9,94 (+0,25%)
     
  • DOW JONES

    31.957,52
    +28,90 (+0,09%)
     
  • FTSE

    7.519,42
    +35,07 (+0,47%)
     
  • HANG SENG

    20.171,27
    +59,17 (+0,29%)
     
  • NIKKEI

    26.677,80
    -70,34 (-0,26%)
     
  • NASDAQ

    11.722,50
    -48,50 (-0,41%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1587
    -0,0135 (-0,26%)
     

Cosmonautas fazem spacewalk e preparam módulo russo para acoplagens na ISS

·3 min de leitura

O módulo russo Prichal, instalado na Estação Espacial Internacional (ISS), já está pronto para receber a visita de futuras naves do país. A configuração do módulo para novas missões foi feita durante uma caminhada espacial conduzida pelos cosmonautas Anton Shkaplerov e Pyotr Dubrov na quarta-feira (19). A atividade durou aproximadamente sete horas e foi o primeiro spacewalk realizado neste ano.

A dupla abriu a escotilha do módulo Poisk às 09h17, dando início à caminhada do lado de fora da ISS. Quando chegaram ao lado externo da estação, Shkaplerov e Dubrov implantaram a estrutura Strela, um guindaste com 14 m de extensão, operado manualmente. Eles usaram o dispositivo para atravessar os módulos Poisk e Nauka, lançado no ano passado, até chegar ao local para realizar o trabalho, ao lado do módulo Prichal.

Ao longo do spacewalk, Shkaplerov e Dubrov concluíram tarefas de fornecimento de energia elétrica, comunicação e transmissão de dados para o módulo Prichal e o restante da estação. Além disso, os dois cosmonautas removeram a cobertura e instalaram corrimãos para ajudar em atividades extraveiculares futuras, além de conectar cabos e instalar antenas para o sistema Kurs, voltado para a acoplagem automática.

Os cosmonautas também alteraram a posição de uma câmera de TV, utilizada para fornecer cobertura das atividades no exterior do novo módulo. “Não mexa com o problema até o problema te incomodar”, alertou um controlador de voo do Centro de Controle da Missão em Moscou, após eles identificarem um obstáculo ao tentar instalar cordas nos novos corrimãos. Felizmente, eles acabaram conseguindo colocar as cordas.

Shkaplerov e Dubrov instalaram alvos de acoplagem, que serão usados pelas naves se aproximando do módulo Prichal no futuro. Em alguns momentos, os cosmonautas descartaram coberturas térmicas, contêineres e antenas que haviam sido removidas do Prichal, por não serem mais necessárias. Os componentes foram lançados em direção oposta à da estação para evitar um reencontro em órbita com a estação, e devem ser queimados durante a entrada na atmosfera terrestre.

O spacewalk foi finalizado às 16h28, no horário de Brasília. Esta foi a terceira caminhada espacial conduzida por Shkaplerov, que agora soma 21 horas e 39 minutos de trabalho no espaço. Já Dubrov realizou seu quarto spacewalk, somando o total de 29 horas e 49 minutos de trabalho. Esta foi a primeira atividade extraveicular realizada em 2022, sendo também a 246º para a montagem, manutenção e atualização do laboratório orbital.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos