Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.746,98
    -49,27 (-0,12%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

Cosmonautas fazem 2º spacewalk para preparar novo módulo russo da ISS

·3 minuto de leitura

Nesta quinta-feira (9), os cosmonautas Oleg Novitskiy e Pyotr Dubrov, da agência espacial russa Roscosmos, realizaram uma nova caminhada espacial fora da Estação Espacial Internacional (ISS). Esta atividade extraveicular foi a segunda de uma sequência de até 11 delas, que serão necessárias para preparar o novo módulo russo Nauka para as futuras operações que serão realizadas. O spaccewalk teve duração de 7 horas e 25 minutos e esta foi a segunda caminhada espacial que a dupla conduziu em uma semana.

Os cosmonautas deixaram a trava de ar Poisk às 11h51, no horário de Brasília, para preparar cabos que serão necessários para o módulo Nauka, que foi acoplado à estação em julho. Além disso, eles seguiram com as atividades que começaram no spacewalk feito na semana passada, fotografaram as antenas da nave Progress acoplada à estação, instalaram corrimãos para ajudar nas manobras de spacewalks futuros e posicionaram um cabo de dados.

Este cabo irá permitir que os dados sejam transferidos do segmento dos Estados Unidos na estação para a área externa do novo módulo. O componente foi acoplado com sucesso, mas Novitskiy e Dubrov tiveram um pouco de dificuldades com uma tampa redonda, que fazia parte da bobina. Assim que conseguiram liberá-la, eles discutiram rapidamente se deveriam descartá-la, como foi planejado anteriormente, ou se a deixavam presa ao exterior do módulo.

Um dos cosmonautas fez um comentário sobre a forma estranha do item, e o outro brincou: “e é daí que vêm as lendas dos discos voadores”. No fim, eles decidiram armazenar o disco temporariamente, para depois descartá-lo no fim da caminhada espacial. Em seguida, Novitskiy e Dubrov seguiram para outros cabos, usados para conectar o sistema de TV e as linhas de dados entre os módulos Nauka e Zvezda, além de juntar os dois sistemas de acoplagem autônomos para futuras naves russas.

Por fim, os cosmonautas instalaram contêineres de um experimento biológico no módulo Poisk, que vão coletar dados sobre mudanças físicas ou genéticas em bactérias, fungos e outros microrganismos após a exposição às condições espaciais. Este experimento foi criado para os cientistas entenderem melhor os agentes contaminadores que possam influenciar naves interplanetárias. Eles finalizaram a caminhada espacial com o descarte da tampa e a remoção de uma peça de isolamento com multicamadas, e a trava de ar do módulo Poisk foi fechada às 19h16 (horário de Brasília).

Este foi o terceiro spacewalk tanto para Novitskiy quanto para Dubrov, e ambos somam o total de 22 horas e 38 minutos de caminhadas espaciais. Ainda, o spacewalk foi o 11º realizado neste ano e o 243º já realizado para montagem, atualização e manutenção da estação. Com a caminhada espacial deles, os tripulantes da estação já somam o total de 63 dias e 23 horas de trabalho no lado externo do laboratório orbital.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos