Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,54 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,81
    +0,19 (+0,26%)
     
  • OURO

    1.816,90
    -18,90 (-1,03%)
     
  • BTC-USD

    41.349,41
    -9,56 (-0,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    955,03
    +5,13 (+0,54%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,06 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    -71,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1880
    +0,1475 (+2,44%)
     

Corretora que dizia investir em Bitcoin e funcionava em salão de beleza deixa de pagar clientes

·3 minuto de leitura
SCAM Golpe com Bitcoin e Justiça
SCAM Golpe com Bitcoin e Justiça

Uma corretora de valores que prometia rendimentos e funcionava dentro de um salão de beleza parou de pagar os clientes. Com contratos de investimento firmados em cartório, a empresa suspendeu saques sem aviso prévio.

O que chamou atenção no negócio, chamado de “Escolha Resultados Consultoria Financeira“, é que sua sede era em um salão.

Funcionando na cidade de São Leopoldo, sede de outras pirâmides financeiras famosas, como a Unick Forex e Indeal, o negócio prometia rendimentos de 10% ao mês. Em nota, um agente de CVM informou que a empresa não tinha autorização para funcionar.

Corretora de valores suspende saques

De acordo com o Jornal NH, a corretora de valores deixou seus clientes em pânico nos últimos dias. Ao suspender pagamentos desde o dia 21 de junho, a empresa afirma ter sido vítima de um golpe por estelionatários.

Ao chegar na sede da empresa, os clientes pensavam estar em um salão de beleza, que funcionava em um dos cômodos. A esposa do líder do possível esquema, como esteticista, mantinha seu salão no mesmo prédio, com um banner na frente fazendo a propaganda do negócio, que ocultava um possível esquema fraudulento em seu interior.

Segundo alguns clientes ouvidos pela reportagem do NH, a situação é alarmante. Uma das investidoras, por exemplo, queria resgatar seu dinheiro para um tratamento de saúde, mas não encontra o líder da empresa em que confiou seu patrimônio.

A casa onde ele e esposa moravam já foi até desocupada e os cerca de 700 clientes não sabem para onde foi o dinheiro. As promessas eram de 10% fixos ao mês, sendo que ao final de seis meses, o valor investido seria supostamente devolvido.

Ao ver reportagem sobre possível esquema, líder diz que “agora acabou tudo”

Após o Jornal NH denunciar o suposto esquema de investimentos fraudulentos da “Escolha Resultados Consultoria Financeira“, o líder enviou aos clientes do negócio uma mensagem de que “agora acabou tudo”.

Com a fala, investidores começaram a procurar a polícia local para denunciar a possível fraude financeira, além de denunciar o caso para a CVM. Alguns já pensam até em ingressar na justiça para reaver seus investimentos.

De acordo com o NH, o líder dessa empresa chegou a prometer que iria realizar o trade de Bitcoin a partir da Alemanha, mas teria abandonado o projeto. Mesmo assim, ele teria gastado R$ 290 mil para abrir sua filial na Europa, citou a reportagem.

O caso mostra que a região do Vale dos Sinos, principalmente São Leopoldo, já se esqueceu dos prejuízos de se investir em pirâmides financeiras. Naquela mesma região, por exemplo, funcionou o que pode ser um dos maiores esquemas do Brasil, que também utilizou a imagem do Bitcoin para convencer seus investidores. Chamada de Unick Forex, a empresa prometia rendimentos fixos e mensais e causou prejuízos bilionários em investidores de todo país.

A reportagem do Jornal NH ainda tentou contato com o líder e sua esposa, mas não receberam retorno. Já a advogada que iria defender eles, acabou abandonando o caso por falta de documentos.

Por fim, a delegada da Polícia Civil da cidade está avaliando o caso, que pode ser repassado a Polícia Federal após a avaliação preliminar do suposto golpe financeiro.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos