Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.672,76
    -3.755,42 (-3,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.402,73
    -283,30 (-0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,99
    +0,55 (+0,67%)
     
  • OURO

    1.769,10
    +3,40 (+0,19%)
     
  • BTC-USD

    64.242,31
    +3.048,90 (+4,98%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.481,22
    +17,87 (+1,22%)
     
  • S&P500

    4.519,63
    +33,17 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    35.457,31
    +198,70 (+0,56%)
     
  • FTSE

    7.217,53
    +13,70 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.419,25
    +128,75 (+0,84%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4945
    +0,1030 (+1,61%)
     

Corretora libera saque gratuito de bitcoin acima de R$ 100

·1 minuto de leitura
Fujian, China - November 15, 2018: Bunch of memorial golden bitcoins. Bitcoin is a worldwide digital currency that isn't controlled by a central authority such as a government or bank.
Saques superiores a R$ 100 serão totalmente gratuitos para o cliente (Getty Image)
  • Empresa anunciou ação como comemoração aos três milhões de clientes registrados na plataforma

  • Clientes poderão realizar saques e transferências para outros bancos sem pagar nada

  • Com a medida, companhia se torna a única a oferecer o serviço gratuito no Brasil

Quem decidiu investir em criptomoedas agora tem mais uma opção para realizar transações em reais. A corretora Mercado Bitcoin anunciou que permitirá saques e transferências de valores superiores da R$ 100 gratuitamente. 

Leia também:

Até então, a companhia cobrava R$ 2,90 mais 1,99% sobre o valor sacado por transação. Com a medida, a empresa se torna a única operadora do Brasil que realiza o serviço sem cobrar taxas. A gratuidade é uma ação de comemoração aos três milhões de clientes registrados na plataforma.

A marca foi atingida dois meses depois de a controladora 2TM se tornar um unicórnio, ou seja, uma startup com valor de mercado de pelo menos US$ 1 bilhão. No meio do ano holding recebeu aporte de US$ 200 milhões liderado pelo Softbank com valuation de US$ 2,1 bilhões.

E as corretoras concorrentes?

Antes, apenas a Binance oferecia a vantagem. No entanto, a exchange encerrou a oferta no final do mês de agosto e, atualmente, cobra R$ 2,60 por saque, independentemente do valor.

O banco digital Alter, que oferece suporte a criptomoedas, também não cobra pelo saque em reais. No entanto, o dinheiro só pode ser movimentado pela conta que a própria fintech disponibiliza aos consumidores.

- Com informações do Infomoney

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos