Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.667,66
    +293,79 (+0,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.232,20
    -741,07 (-1,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,67
    +1,24 (+1,45%)
     
  • OURO

    1.813,30
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.393,31
    +15,92 (+0,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.010,21
    +0,82 (+0,08%)
     
  • S&P500

    4.577,11
    -85,74 (-1,84%)
     
  • DOW JONES

    35.368,47
    -543,34 (-1,51%)
     
  • FTSE

    7.563,55
    -47,68 (-0,63%)
     
  • HANG SENG

    24.112,78
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    27.781,84
    -475,41 (-1,68%)
     
  • NASDAQ

    15.195,75
    -10,25 (-0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3111
    +0,0040 (+0,06%)
     

Correção do Windows 11 promete solucionar bugs da barra de tarefas

·3 min de leitura

A Microsoft tem trabalhado para corrigir as muitas falhas, bugs e polêmicas envolvendo a sua barra de tarefas do Windows 11. A compilação mais recente, ainda indisponível para os usuários, parece ter ouvido os apelos dos fãs para trazer melhorias na tentativa de oferecer uma experiência mais agradável para todos.

Além do design controverso, com os ícones centralizados, o redesenho trouxe consigo limitações que não existiam antes. Um exemplo é a impossibilidade de mover a barra para outra posição como sempre ocorreu nas versões anteriores do Windows — muita gente gostava de usá-la na lateral ou na parte superior da tela.

O recurso de arrastar e soltar é uma das ausências da barra de tarefas do Windows 11 (Imagem: Reprodução/MS PowerUser)
O recurso de arrastar e soltar é uma das ausências da barra de tarefas do Windows 11 (Imagem: Reprodução/MS PowerUser)

Felizmente, hoje já é possível ter algum nível de personalização, como escolher se deseja ver os ícones centralizados ou alinhados à esquerda, além de poder marcar a opção para ocultar automaticamente quando não há uso. Dá também para configurar os botões padrões exibidos (Pesquisar, Visão de Tarefas, Widgets e Bate-Papo) e alguns outros pormenores.

Falhas e erros da barra de tarefas do Windows 11

Por outro lado, a barra de tarefas do Windows 11 é aparentemente baseada no código XAML moderno e usa controles do WinUI. Isso significa que foi escrita do zero e não oferece suporte a recursos já consagrados como arrastar e soltar.

Essa reconstrução gerou uma dezena de bugs já conhecidos que atrapalham a usabilidade, como:

  • A barra pisca quando o usuário alterna os métodos de entrada.

  • Janela de miniatura das ferramentas da barra de tarefas (exibidas como pop-ups que aparecem ao passar o mouse sobre os itens) podem ser mostradas em um local totalmente diferente do esperado.

  • Dicas de ferramentas da barra de tarefas não aparecem ao passar o mouse sobre os ícones do canto da barra de tarefas muito rapidamente.

  • Os nomes das ferramentas também podem ser colocados uns em cima dos outros quando o mouse é passado rapidamente sobre os ícones.

Há algumas outras falhas relacionadas ao uso do sistema em notebooks. O nível da bateria, localizado na barra de tarefas, às vezes mostra uma porcentagem acima de 100%. Segundo a companhia, essa último erro deve ser corrigido na Build 22523.

O bug visual mostrava a bateria com mais de 100% (Imagem: Zondax/Reddit)
O bug visual mostrava a bateria com mais de 100% (Imagem: Zondax/Reddit)

Arrastar e soltar deve voltar

Uma das ausências mais sentidas definitivamente é a falta do recurso de arrastar e soltar. Ele é bastante útil para trocar arquivos de pasta rapidamente ou se você quiser reproduzir um vídeo com um programa específico, em vez de usar o padrão do Windows. Também não é possível criar atalhos na barra a partir desse recurso de apenas arrastar e soltar.

Porém, essa novidade pode retornar em uma futura atualização. Nada foi anunciado oficialmente, mas os rumores apontam para uma ressurreição do "arrastar e soltar" a partir do Windows 11 22H2, previsto para outubro do ano que vem.

O Windows 11 Build 22523 — e as correções para a barra de tarefas — foi lançado apenas para testadores no Canal Dev e será o último update de 2021. Não há previsão de quando a atualização chegará para os demais usuários de maneira ampla.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos