Mercado abrirá em 3 h 10 min

Ministério da Saúde confirma terceiro caso de coronavírus e investiga mais um

Yahoo Brasil
Yahoo Brasil
Foto: NELSON ALMEIDA/AFP via Getty Images

O Ministério da Saúde confirmou, nesta quarta-feira (04), o terceiro caso do novo coronavírus no Brasil. O paciente também é de São Paulo (SP). Um quarto caso, cujos exames atestaram positivo, está sendo confirmado.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

De acordo com o Ministério da Saúde, em trabalho conjunto com as secretarias de Saúde de São Paulo (estadual e municipal), o terceiro caso confirmado é um paciente de 46 anos que mora em São Paulo. Ele seria um administrador de empresas, natural da Colômbia. Ele passou recentemente pelos seguintes países: Espanha, Itália, Áustria e Alemanha.

Leia também

Um quarto caso também na capital paulista, que não teve mais detalhes informados, deu positivo para o covid-19. Agora, segundo o ministério, estão sendo feitos exames de contraprova para confirmar a amostra.

O Ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta confirmou, em entrevista coletiva, que o Brasil investiga 531 casos suspeitos. 315, por sua vez, foram descartados.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Primeiros casos

Os dois primeiros casos confirmados foram dois anos, um de 61 e outro de 32 anos, que vivem em São Paulo e estiveram recentemente na Itália. Ambos estão em quarentena em suas residências, medida que é sugerida pelas definições da Organização Mundial de Saúde (OMS), que diz que casos não tão graves não precisam de internação.

Apesar dos mais de 500 casos monitorados, o Ministério da Saúde garante que, ao menos até a última terça-feira (03), não há indícios de que o vírus esteja circulando internamente pelo Brasil.

Os casos tidos como suspeitos são aqueles que envolvem pacientes que passaram por países com risco de transmissão de coronavírus e que tenham apresentado sintomas como febre e algum sintoma respiratório, como tosse, depois do retorno ao Brasil.

O Ministério da Saúde divulgou a lista de países dos quais os brasileiros, ao retornar de viagem, deverão procurar consulta médica.

As nações monitoradas são: China, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Japão, Singapura, Austrália, Malásia, Vietnã, Itália, Alemanha, França, Espanha, Reino Unido, Suíça, Noruega, Países Baixos, Croácia, Grécia, Finlândia, Dinamarca, San Marino, Tailândia, Indonésia, Irã, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos e Canadá.