Mercado abrirá em 5 h 5 min
  • BOVESPA

    111.539,80
    +1.204,97 (+1,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.682,19
    +897,61 (+2,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,96
    +0,21 (+0,35%)
     
  • OURO

    1.732,40
    -1,20 (-0,07%)
     
  • BTC-USD

    49.879,69
    +1.182,04 (+2,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.001,62
    +13,52 (+1,37%)
     
  • S&P500

    3.870,29
    -31,53 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.391,52
    -143,99 (-0,46%)
     
  • FTSE

    6.613,75
    +25,22 (+0,38%)
     
  • HANG SENG

    29.890,35
    +794,49 (+2,73%)
     
  • NIKKEI

    29.559,10
    +150,93 (+0,51%)
     
  • NASDAQ

    13.171,25
    +116,00 (+0,89%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,8692
    +0,0071 (+0,10%)
     

Coronavírus: Apenas 1 em cada 5 negros foram vacinados no Brasil

Colaboradores Yahoo Notícias
·1 minuto de leitura

Maioria entre os brasileiros, os negros correspondem a 56% da população (de acordo com a soma de pretos e pardos pelo IBGE), porém somente 19% foram vacinados contra o novo coronavírus.

Os dados, publicados pelo jornal O Globo, mostram que a representatividade exposta na primeira vacinação no Brasil, quando a enfermeira negra Mônica Calazans recebeu a primeira dose da Coronavac em 17 de janeiro, não se estendeu no restante da população.

Leia também

Segundo o Ministério da Saúde, não há registro sobre a cor de 26% dos vacinados (ou seja, mesmo que todos eles fossem pretos ou pardos, o percentual de negros vacinados ainda seria menor que o da população brasileira).

Entre os grupos em que os pretos têm sua maior proporção de vacinados, estão moradores de rua, quilombolas, guardas civis e trabalhadores de limpeza. Dos 336 moradores de rua sobre os quais há registro de vacinação, 64% são negros e 27% são brancos. Dos 950 mil idosos com 80 anos ou mais, 41% são brancos e 18% são pretos ou pardos.

Negros correspondem a 11% do total de médicos vacinados (com 0,8% se identificando como pretos). Brancos são 37% e 44% não identificaram sua cor.

Um dos grupos que aparece representado para além de sua participação na população é o de amarelos: 10% dos vacinados se identificaram como amarelos, uma fatia muito maior do que a dos dados do IBGE, já que apenas 1% dos brasileiros são amarelos.

Em relação aos brancos, a vacinação segue em padrão equivalente ao da população: 4 em cada 10 vacinados se disseram brancos (4,2 brasileiros a cada 10 são brancos).