Mercado abrirá em 6 h 8 min

Coronavírus: Hospitais privados devem preparar seus planos de contingência, diz Saúde

Rafael Bitencourt

Secretário-executivo do ministério também disse que não vê necessidade de cancelar eventos públicos em ambientes abertos, como shows e partidas de futebol em estádios O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, afirmou nesta terça-feira (10) que os hospitais da rede privada devem preparar os próprios planos de contingência para enfrentar o aumento de fluxo de atendimento decorrente do surto de coronavírus (covid-19) no Brasil.

Questionado sobre as medidas de fechamento de escolas adotadas por algumas unidades da rede privada de educação em São Paulo, Gabardo afirmou que a análise deve ser feita “caso a caso”. Ele considera que é preciso continuar acompanhando a circulação do vírus no país, mas ainda não chegou o momento de tomar medidas mais drásticas, como a mencionada.

O secretário avalia que, num primeiro momento, seja necessário apenas dispensar, “por alguns dias”, uma ou outra classe que tiver aluno infectado ou com suspeita de coronavírus.

Gabbardo afirmou que, por enquanto, não há necessidade de cancelar eventos públicos ocorridos em ambientes abertos, como shows e partidas de futebol em estádios.