Mercado abrirá em 8 h 52 min
  • BOVESPA

    121.632,92
    -168,08 (-0,14%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.134,93
    -60,47 (-0,12%)
     
  • PETROLEO CRU

    69,17
    +0,08 (+0,12%)
     
  • OURO

    1.803,30
    -5,60 (-0,31%)
     
  • BTC-USD

    40.247,44
    +762,45 (+1,93%)
     
  • CMC Crypto 200

    992,10
    +16,21 (+1,66%)
     
  • S&P500

    4.429,10
    +26,44 (+0,60%)
     
  • DOW JONES

    35.064,25
    +271,55 (+0,78%)
     
  • FTSE

    7.120,43
    -3,43 (-0,05%)
     
  • HANG SENG

    26.180,50
    -24,19 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    27.813,22
    +85,12 (+0,31%)
     
  • NASDAQ

    15.167,50
    -0,25 (-0,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2057
    -0,0025 (-0,04%)
     

Coreia do Sul registra recorde de novos casos de COVID-19

·1 minuto de leitura

Nesta quinta (8), a Coreia do Sul registrou 1.275 novos casos de COVID-19 em 24 horas. Trata-se de um número sem precedentes no país. As autoridades sul-coreanas investem, atualmente, em uma vigilância reforçada contra a variante Delta, considerada mais transmissível.

O número fornecido pela Agência de Controle e Prevenção de Doenças (KDCA, em inglês) ultrapassa com folga o antigo recordes: 985 infectados registrados no país em 24 horas. Parte do aumento de casos observado nas últimas horas está relacionado a um surto que surgiu em um centro de detenção no leste de Seul, com 288 infectados.

Desde o início da pandemia, a Coreia do Sul — que conta com uma população de 51 milhões de habitantes — registrou pouco mais de 2 mil mortes por COVID-19. A ideia é que, com a nova alta de casos, o país retome medidas de confinamento e distanciamento.

Coreia do Sul registra recorde de novos casos de COVID-19, com 1.275 novos casos em apenas 24 horas (Imagem: Josue Ladoo Pelegrin)
Coreia do Sul registra recorde de novos casos de COVID-19, com 1.275 novos casos em apenas 24 horas (Imagem: Josue Ladoo Pelegrin)

O primeiro-ministro sul-coreano, Kim Boo-kyum, já chegou a fazer um alerta para uma quarta onda da pandemia no país. Vale notar que a vacinação ainda contempla uma porcentagem pequena. Acontece que apenas 10% da população está completamente imunizada (com direito a duas doses do imunizante contra a COVID-19).

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos