Mercado abrirá em 52 mins
  • BOVESPA

    115.062,54
    -1.118,01 (-0,96%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.192,33
    +377,16 (+0,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,39
    -0,22 (-0,30%)
     
  • OURO

    1.772,40
    -22,40 (-1,25%)
     
  • BTC-USD

    47.975,73
    +370,10 (+0,78%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.238,38
    +41,16 (+3,44%)
     
  • S&P500

    4.480,70
    +37,65 (+0,85%)
     
  • DOW JONES

    34.814,39
    +236,82 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.042,23
    +25,74 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    24.667,85
    -365,36 (-1,46%)
     
  • NIKKEI

    30.323,34
    -188,37 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    15.458,75
    -45,25 (-0,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1659
    -0,0301 (-0,49%)
     

Coquetel da AstraZeneca reduz em 77% os sintomas graves da COVID-19

·1 minuto de leitura

A AstraZeneca acaba de divulgar os resultados de uma nova terapia de anticorpos para combater a COVID-19. De acordo com a farmacêutica, o coquetel AZD7442 apresentou redução de 77% no risco de desenvolvimento de sintomas graves da doença, sendo uma esperança para pessoas que precisam de um complemento da vacina para ficarem mais seguras.

Os testes, que estão em estágio final (fase 3), foram feitos em 5.197 pacientes da Bélgica, Espanha, Estados Unidos, França e Reino Unido. Dos voluntários, 75% tinham doenças crônicas, além de uma resposta imunológica mais baixa. As pessoas receberam o medicamento por injeção no músculo.

Imagem: <em>Reprodução/Garakta-Studio/Envato</em> Elements
Imagem: Reprodução/Garakta-Studio/Envato Elements

Segundo o estudo, não houve nenhum caso grave de COVID-19 entre os participantes que receberam o medicamento AZD7442, mas em três pessoas que receberam o placebo a infecção foi grave, resultando em duas mortes. Sendo assim, o tratamento se mostrou eficaz contra o desenvolvimento da forma grave da doença.

Outros estudos realizados por Oxford em laboratório já mostraram também que o medicamento neutraliza as variantes do coronavírus, como a Delta, que tem uma taxa de transmissão ainda maior e que vem provocando o aumento de casos. A AstraZeneca revelou que deve divulgar dados adicionais sobre a pesquisa ainda neste ano.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos