Mercado abrirá em 1 h 34 min
  • BOVESPA

    112.273,01
    -43,15 (-0,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.521,43
    -253,48 (-0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,72
    -1,18 (-1,51%)
     
  • OURO

    1.918,30
    -20,90 (-1,08%)
     
  • BTC-USD

    22.901,74
    -374,74 (-1,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    519,23
    -18,64 (-3,47%)
     
  • S&P500

    4.017,77
    -52,79 (-1,30%)
     
  • DOW JONES

    33.717,09
    -260,99 (-0,77%)
     
  • FTSE

    7.727,26
    -57,61 (-0,74%)
     
  • HANG SENG

    21.842,33
    -227,40 (-1,03%)
     
  • NIKKEI

    27.327,11
    -106,29 (-0,39%)
     
  • NASDAQ

    11.909,00
    -59,00 (-0,49%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5292
    -0,0178 (-0,32%)
     

Copa do mundo: bares mais que dobram faturamento em dias de jogos do Brasil

No último jogo do Brasil na Copa do Mundo 2022 ocorreu um aumento de 112% dos gastos com bebidas (Getty Image)
No último jogo do Brasil na Copa do Mundo 2022 ocorreu um aumento de 112% dos gastos com bebidas (Getty Image)
  • Gastos em bares e casas noturnas subiu 138% no último jogo do Brasil;

  • Copa do Mundo está aquecendo o setor de bebidas no país;

  • Disputa pelo Hexa ocorre logo após o pagamento do 13º salário.

Ser liberado na metade do expediente para beber no bar com os amigos no meio da semana é uma das experiências proporcionadas pela Copa do Mundo. Nos dias de jogos do Brasil, parte da classe trabalhadora fica livre para ter um momento de lazer em um horário em que normalmente estaria no serviço.

É por isso que quando o Brasil derrotou a Coreia do Sul, na última segunda-feira, os gastos em bares e em casas noturnas dispararam 138%. O campeonato acontece pela primeira vez após o pagamento do 13º salário para funcionários com carteira assinada.

Enquanto isso, o varejo, que terminou o expediente mais cedo durante os dias de partidas, registrou um ligeiro recuo de 12%.

Um levantamento feito pela Rede, empresa de meios de pagamento do Itaú Unibanco, aponta ainda que, no horário da partida contra o país asiático, ocorreu um aumento de 112% dos gastos com bebidas na comparação com 6 de novembro.

Já no último jogo na fase de grupos, o setor de bebidas registrou avanço de 80,5% no faturamento, enquanto os bares e casas noturnas tiveram crescimento de 67,7%, comparando com 3 de dezembro de 2021, também uma sexta.

Nesse dia, o varejo registrou uma queda de 4,4% no faturamento na comparação com o ano passado, e redução de 17,3% considerando a média das sextas-feiras de novembro deste ano.

Ou seja, apesar de parte do país parar, o momento de celebração e festa trazido pela Copa do Mundo ajudou mais a economia do que atrapalhou.