Consumidor poderá consultar sobre empresas de formatura e turismo para evitar golpe

SÃO PAULO - A partir desta segunda-feira (18), o consumidor poderá consultar sobre empresas de formatura e turismo antes de fechar um negócio.

A iniciativa, que tem por objetivo reduzir o risco de golpes, é resultado de uma parceria entre a Serasa Experian e o Reclame Aqui, sendo que o serviço permite que o consumidor pesquise sobre a ocorrência de protestos, cheques sem fundos, ações judiciais, endereço, telefone, participação societária, faturamento, falências e a existência legal da companhia consultada.

“Da mesma forma que as companhias avaliam as informações cadastrais e as referências de seus compradores, estes ganham uma ferramenta confiável para saber quem é o prestador”, avalia o presidente da Serasa Experian, Ricardo Loureiro.

Como funcionará?
Os consumidores interessados em consultar as empresas que lhe prestarão serviços devem acessar a ferramenta, por meio dos sites da Serasa Experian (www.serasaconsumidor.com.br) ou do Reclame Aqui (www.consumidorblindado.com.br). O serviço custa R$ 29,90 a consulta.

Acessando o site, o usuário clica na opção do serviço, preenche um cadastro com suas informações e faz a aquisição da consulta como em um processo normal de compra online, através da senha gerada por ele. É necessário saber o CNPJ da empresa que se quer consultar.

“O conhecimento é fundamental, principalmente quando há necessidade de desembolso antecipado, como nos casos de compra de pacotes de viagens, serviços de filmagens, fotografia, etc. O investimento do comprador para realizar as pesquisas é pequeno se compararmos com o prejuízo que uma compra às cegas pode representar”, argumenta a superintendente de Serviços ao Consumidor da Serasa Experian, Maria Zanforlin.

Carregando...