Mercado fechará em 6 horas 1 minuto

Consultoria mostra quais operadoras têm o melhor desempenho em internet móvel

Rui Maciel

A consultoria especializada em dados de crowsourcing Tutela Technologies divulgou nesta semana uma pesquisa que coletou o desempenho de internet móvel das quatro principais operadoras do Brasil. O relatório avaliou 21 bilhões de registros em Áreas de Cobertura Comum em todo o país, incluindo mais de 220 milhões de testes de velocidade e 2,8 bilhões de testes de latência, coletados entre 1º de novembro de 2019 e 30 de abril de 2020.

Entre os principais destaques do documento, está o ótimo desempenho da Claro. A operadora do mexicano Carlos Slim dominou quatro das cinco categorias do relatório em áreas comuns de cobertura de Brasil. Isso vale no quesito de "Excelente Qualidade", atingindo índice de 72,2%, ou seja, quando o usuário utilizava a rede 4G, com velocidade média acima de 5Mbps - já no acesso a redes de menor performance (Core Quality), a Claro obteve índice de 93% das vezes, onde a velocidade ficava acima de 1,5 Mbps. Nessa categoria, a segunda colocação foi da Vivo, com índice de 64,2% (92,5%) e a TIM, com 62,8% (91%).

Os referenciais dos quesitos do gráfico acima mediram conexões boas o suficiente para executar videochamadas com resolução HD, streaming de filmes e games mobile. Já o critério Core faz menção a conexões em vídeos rodando com resolução SD, além da navegação em sites e redes sociais com velocidade mínima de 1,5 Mbps.

Na categoria "Downloads", a Claro, mais uma vez, saiu-se melhor, registrando velocidades médias de 14.8 Mbps. A segunda colocação no pódio foi da Vivo (10.2 Mbps) e a medalha de bronze ficou com a TIM (9.6Mbps).

Já em "Uploads", a Claro também se destacou, com velocidade média de 6Mbps, com a TIM ficando com a vice-liderança (4.9 Mbps) e a Vivo com a terceira colocação (4.5 Mbps).

Por fim, a categoria Latência foi a única onde a Claro não foi a vencedora. A TIM obteve a melhor latência do Brasil, com resultado unidirecional de 19,2 ms, seguido por Claro (21.8ms) e Vivo (22.6ms).

Uso de espectros

A rede 4G tem uso predominante entre as quatro operadoras brasileiras, com usuários de TIM e Claro utilizando essa tecnologia de dados móveis em 70% em todo Brasil. No caso da Vivo, usuários em todo o país estão gastando mais de 60% dos o tempo nesse tipo de conexão, enquanto os clientes da Oi estão em uma divisão próxima de 50/50 entre 4G e 3G.

Todas as quatro operadoras no Brasil confiam nos espectros de 2600 MHz (Banda 7) e 1800 MHz (Banda 3), embora a Oi seja a única operadora a adotar quase exclusivamente nos espectros de banda média e alta. TIM e Oi utilizam o espectro de 1800 Mhz com mais frequência, com 44,4% dos dados 4G passando por espectros de banda média, enquanto Claro e Vivo estão quase empatados para o uso mais pesado em 2600 Mhz.

A pesquisa completa pode ser visualizada neste link (em inglês)

Fonte: Canaltech