Mercado fechará em 2 h 27 min
  • BOVESPA

    119.473,70
    -588,29 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.912,47
    +44,85 (+0,09%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,29
    -0,06 (-0,10%)
     
  • OURO

    1.782,30
    -10,80 (-0,60%)
     
  • BTC-USD

    54.229,27
    -1.646,01 (-2,95%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.272,70
    +29,65 (+2,39%)
     
  • S&P500

    4.155,36
    -18,06 (-0,43%)
     
  • DOW JONES

    33.932,86
    -204,45 (-0,60%)
     
  • FTSE

    6.938,24
    +42,95 (+0,62%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    +133,42 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.188,17
    +679,62 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    13.819,00
    -100,25 (-0,72%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5742
    -0,1278 (-1,91%)
     

Construção pressiona governo para reduzir imposto de importação do aço

JOANA CUNHA
·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O secretário de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa, tem reunião marcada com a cadeia do aço nesta terça-feira (23). Ele vai ouvir do setor da construção, um dos grandes compradores da matéria-prima, o pedido para que o governo reduza o imposto sobre a importação do aço, cujo preço vem pesando na cadeia. Para a CBIC (Câmara Brasileira da Construção), a solução é dar um choque de oferta. A entidade quer levar ao governo um levantamento feito na semana passada com 206 empresas do setor no país, em que 84% delas relataram desabastecimento do aço em suas regiões.