Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    48.755,32
    -4.694,70 (-8,78%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Conheça 7 startups brasileiras lideradas por mulheres

·3 min de leitura

O ambiente tecnológico e de inovação ainda é um espaço desigual no que diz respeito à diversidade e protagonismo feminino. Isso é o que aponta o relatório “Female Founders Report 2021”, estudo realizado pela empresa de inovação Distrito, em parceria com a B2Mamy, empresa que capacita e coloca em conexão mães ao ecossistema inovador, e a Endeavor, rede de empreendedores.

Segundo o estudo, apenas 4,7% das startups brasileiras foram fundadas por mulheres, ou seja, mais de 90% foram fundadas por homens. A desigualdade é ainda mais profunda quando se trata de investimento: apenas 1% das startups que receberam investimentos foram criadas por mulheres. O Yahoo Finanças selecionou 7 startups lideradas e criadas por mulheres, que desenvolvem trabalhos diversos no setor de tecnologia e inovação, para você conhecer. Confira a lista:

  1. BlackRocks Startups

  2. Uffa

  3. Vittude

  4. Taqe

  5. Programaria

  6. Cuponeria

  7. Newa

BlackRocks Startups

Maitê Lourenço, fundadora da Black Rocks. Foto: Reprodução/Internet.
Maitê Lourenço, fundadora da Black Rocks. Foto: Reprodução/Internet.

Fundada por Maitê Lourenço - primeira pessoa negra a estampar sozinha a capa da Revista Exame - a BlackRocks desenvolve projetos que visam a aceleração de novas startups, promovendo o acesso à pessoas negras em ambientes altamente competitivos, tecnológicos e inovadores. A empresa já foi finalista do Startup Awards, categoria impacto social.

Uffa

Ana Paula Pisaneschi, fundadora da Uffa. Foto: Reprodução/Internet.
Ana Paula Pisaneschi, fundadora da Uffa. Foto: Reprodução/Internet.

A startup fundada por Ana Paula Pisaneschi em 2020, é um portal de finanças que auxilia os usuários a negociar dívidas por meio de pagamentos alternativos, como o cashback no caso de pagamentos de dívidas em dia, ou por vale alimentação, boleto, cartão de crédito e débito. Além disso, é possível solicitar empréstimos. Conta com 14,7 milhões de usuários cadastrados localizados em 5,6 mil cidades espalhadas pelo país.

Vittude

Tatiana Pimenta, fundadora da Vittude. Foto: Reprodução/Internet.
Tatiana Pimenta, fundadora da Vittude. Foto: Reprodução/Internet.

Plataforma pioneira e referência em psicologia online, a startup conecta psicólogos e pacientes, abordando diversas linhas terapêuticas, além de atender também empresas através do serviço Vittude Corporate que auxilia essas empresas a cuidar de forma preventiva da saúde mental de seus colaboradores. Criada em 2016 por Tatiana Pimenta, a empresa conta com mais de 110 mil usuários e cerda de de 5.500 psicólogos cadastrados.

Taqe

Denise Asnis, co-fundadora da Tage. Foto: Reprodução /Internet.
Denise Asnis, co-fundadora da Tage. Foto: Reprodução /Internet.

Confundada por Denise Asnis em 2017, a Taqe é uma plataforma de recrutamento e seleção digital, facilitando a conexão entre recrutadores e candidatos. O objetivo da empresa é ampliar as oportunidades e aumentar a eficiência dos processos seletivos das empresas, por meio de testes gamificados que organizam as informações essenciais sobre o perfil dos candidatos para realizar o match com as empresas.

PrograMaria

Iana Chan, fundadora da PrograMaria. Foto: Reprodução/Internet.
Iana Chan, fundadora da PrograMaria. Foto: Reprodução/Internet.

A PrograMaria foi fundada por Iana Chan e o seu principal intuito é promover a formação e o engajamento de mulheres para que sintam-se confiantes a explorar o mundo da programação e tecnologia, campo ainda marcado pela desigualdade de gênero e com poucas mulheres à frente.

Cuponeria

Nara Iachan, fundadora do Cuponeria. Foto: Reprodução/Internet.
Nara Iachan, fundadora do Cuponeria. Foto: Reprodução/Internet.

Oferece cupons de desconto e cashback em mais de 2000 lojas, a startup é pioneira e a maior no ramo de cupons grátis do Brasil. A Cuponeria foi criada por Nara Iachan que já entrou para a lista da Forbes Under 30.

Newa

Carine Ross, fundadora da Newa. Foto: Reprodução/Internet.
Carine Ross, fundadora da Newa. Foto: Reprodução/Internet.

Startup especializada em atender empresas que buscam capacitar lideranças conscientes. O foco consiste em promover a diversidade de gênero e a inclusão. A empresa tem em seu portfólio mais de 50 grandes empresas, e contabiliza mais de 12 mil pessoas impactadas. Carine Ross, que possui especialização nas áreas de Programação Neurolinguística e no Programa Executivo de Liderança Feminina da Columbia Business School, é a fundadora da Newa.

Com informações da Forbes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos