Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.786,43
    +113,67 (+0,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.298,20
    -104,50 (-0,20%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,25
    +0,38 (+0,45%)
     
  • OURO

    1.783,10
    -1,80 (-0,10%)
     
  • BTC-USD

    66.078,88
    +1.686,48 (+2,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.538,50
    +57,70 (+3,90%)
     
  • S&P500

    4.536,19
    +16,56 (+0,37%)
     
  • DOW JONES

    35.609,34
    +152,03 (+0,43%)
     
  • FTSE

    7.223,10
    +5,57 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    26.136,02
    +348,81 (+1,35%)
     
  • NIKKEI

    29.255,55
    +40,03 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    15.344,25
    -33,25 (-0,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4532
    -0,0664 (-1,02%)
     

Conheça 5 empresas com serviços de combate à fraudes e golpes

·4 minuto de leitura
Phishing attack vector illustration. Cartoon flat hacker cyber criminal character using fishing hook, online attacked smartphone with personal files data information, cybercrime concept background
Phishing attack vector illustration. Cartoon flat hacker cyber criminal character using fishing hook, online attacked smartphone with personal files data information, cybercrime concept background. Getty Images.

O brasileiro vê com bastante desconfiança a segurança de dados no país, é o que aponta a Pesquisa Febraban-Ipespe (Instituto de Pesquisas, Sociais, Políticas e Econômicas). De acordo com o levantamento feito para a 7ª edição do Observatório da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), 86% da população tem receio de ser vítima de golpe ou violação de dados pessoais.

Ainda segundo estudo realizado pela Febraban, houve um aumento no último ano de 100% nos ataques de phishing - golpe que tem como objetivo obter das vítimas informações pessoais para poder realizar fraudes financeiras.

Não são apenas cidadãos que temem ter seus dados pessoais violados. Empresas e serviços que trabalham e retêm informações pessoais de seus clientes também podem ser vítimas de golpes. Diante desse cenário, startups que utilizam tecnologias como Inteligência Artificial e reconhecimento facial oferecem serviços de combate a golpes e fraudes para empresas e fintechs que trabalham com crédito e demais soluções financeiras que envolvam dados sensíveis em suas transações.

Confira a seguir 5 empresas e startups que oferecem soluções antifraude:

  1. Combate à Fraude

  2. Unico

  3. ID Wall

  4. VU Security

  5. Konduto

Combate à Fraude

Criada em 2019, a startup Combate à Fraude (CAF) utiliza tecnologias como Machine Learning e Inteligência Artificial que automatizam toda a análise documental, através de um sistema de checagem digital de dados. O processo chamado de documentoscopia, por meio de IA, compara a documentação apresentada pelos usuários com milhares de outros do mesmo Estado e ano de emissão. Com esses dados, a plataforma busca por inconsistências para em seguida informar se os documentos são autênticos ou não.

Os principais clientes da startup são fintechs, bancos, empresas de cripto e seguradoras de todos os portes. Só no ano de 2020, a Combate à Fraude viu seu faturamento crescer cerca de 700% e recentemente a startup foi vendida pelo equivalente a R$ 22 milhões em ações para empreendedores estrangeiros.

Unico

A Unico (anteriormente Acesso Digital) foi a 1ª empresa brasileira a oferecer soluções de biometria facial para auxiliar na identificação digital com o objetivo de evitar fraudes. A startup atende os maiores bancos, varejistas, fintechs, e-commerces, indústrias e telecoms do Brasil. Ao todo, são 800 clientes. A solução oferecida pela Unico é a de reconhecimento facial para identificar a pessoa que está fazendo alguma operação ou transação financeira. Através dessa ferramenta, a startup consegue entregar aos seus clientes a análise que comprova que a pessoa é quem ela diz ser. Isso impede que golpistas munidos de dados pessoais como RG e CPF cometam fraudes, como solicitar um cartão de crédito em nome de outra pessoa.

Os fundos internacionais General Atlantic e Softbank Latin America Fund investiram R$ 580 milhões na Unico.

ID Wall

A Startup ID Wall é especializada em identificação virtual de documentos. Utiliza a tecnologia Machine Learning, além de trabalhar também com reconhecimento facial para comparar a foto tirada no momento de um cadastro e a foto apresentada na documentação. ID Wall atende mais de 300 clientes, entre eles empresas de grande porte como Cielo, iFood, Quinto Andar, Claro, Sicredi e Loggi.

Em junho passado a startup anunciou um aporte no valor de US$ 38 milhões (R$ 210 milhões), liderado pelo fundo Endurance.

VU Security

Empresa argentina, a VU Security especializada em proteção de identidade e prevenção de fraudes chegou este ano ao mercado brasileiro após receber um aporte de US$ 60 milhões (R$ 324,9 milhões) dos investidores Globant, BID LAB, Telefônica e Bridge One. O serviço oferecido pela startup combina ferramentas de segurança cibernética, como geolocalização, biometria e análise de comportamento do usuário com base na tecnologia Machine Learning.

Com 13 anos de existência, a VU Security é parceira da Microsoft na América Latina e está presente em cerca de 22 países, com mais de 170 clientes, incluindo entidades governamentais na Argentina, México, Bolívia, Brasil e Equador.

Konduto

A Konduto oferece ferramentas antifraude para e-commerces. As soluções da startup têm como objetivo oferecer aos seus clientes mais inteligência na análise de transações, acompanhando todo o comportamento de navegação nas lojas virtuais. Desde 2014, já atendeu mais de 27 mil lojistas no Brasil e na América Latina e em março deste ano, foi adquirida por R$ 172 milhões pela Boa Vista SCPC, empresa de escoragem de crédito.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos