Mercado fechará em 55 mins
  • BOVESPA

    108.299,76
    +2.003,58 (+1,88%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.831,40
    -58,26 (-0,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,92
    +0,16 (+0,19%)
     
  • OURO

    1.807,90
    +11,60 (+0,65%)
     
  • BTC-USD

    62.963,18
    +2.758,30 (+4,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.506,36
    +1.263,68 (+520,72%)
     
  • S&P500

    4.565,98
    +21,08 (+0,46%)
     
  • DOW JONES

    35.744,26
    +67,24 (+0,19%)
     
  • FTSE

    7.222,82
    +18,27 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    26.132,03
    +5,10 (+0,02%)
     
  • NIKKEI

    28.600,41
    -204,44 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    15.496,75
    +155,75 (+1,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4502
    -0,1306 (-1,98%)
     

Conheça a primeira clinica de reabilitação para viciados em Bitcoin

·2 minuto de leitura

Você está com insônia pois fica olhando o gráfico de preço do Bitcoin por mais tempo que deveria? Este castelo especializado em vícios, como de Bitcoin, pode lhe ajudar.

O Castle Craig, localizado na Escócia, é especializado em cura de vícios e desde 2017, após o boom do Bitcoin, começou a tratar pessoas que fazem do trading um cassino virtual usando a palavra ‘investimento’ como desculpa para apostar.

Leia também:

Segundo seus terapeutas, a alta volatilidade do mercado pode provocar emoções parecidas com apostas em jogos de azar. Fazendo com que as pessoas percam não só dinheiro como também contato com amigos, família e vida social.

Vício em trading é semelhante ao de apostas

Segundo o Castle Craig, o vício de trading de criptomoedas é semelhante ao de apostas em jogos de azar conforme a clínica trata seus pacientes da mesma forma em ambos os casos.

Por se tratar de um mercado ativo durante 24 horas por dia, é fácil se perder nos horários esperando que as velas dos gráficos indiquem o melhor momento de entrada ou saída. Isso pode diminuir a qualidade de vida da pessoa.

Segundo Tony Marini, terapeuta do Castle Craig, embora algumas pessoas operem criptomoedas como um negócio, outras operam de forma compulsória, perdendo não apenas o todo seu dinheiro como também a sua vida.

O site mostra que muitas pessoas apostam com criptomoedas usando a desculpa que estão investindo. Isso pode ser visto principalmente nas moedas memes, as quais muitos compram como se fossem bilhetes de loteria.

Além disso, outros fatores como influenciadores digitais expondo lucros gigantescos fazem com que mais pessoas entrem no mercado sem saber o que estão fazendo de fato e a volatilidade do mercado faz com que elas fiquem viciadas conforme o mercado lhe provoca sentimentos, tanto de euforia quanto de desgosto.

Melhoria de vida

Alguns passos simples podem fazer com que a experiência com criptomoedas seja melhor. Como por exemplo limitar o seu tempo de exposição aos gráficos, pré-definindo horários para se ocupar com isso.

Outros bons pontos são o estudo, para que os investimentos não sejam apenas um jogo de sorte caso você tenha interesse em participar do mercado. Bem como abandonar as shitcoins e focar apenas em criptomoedas que façam sentido, como o Bitcoin e o Ethereum.

No total, a clínica já tratou 15 pacientes com vício em criptomoedas segundo entrevista do terapeuta Marini ao do Decrypt, que também comentou que estas pessoas estão sempre em seus celulares e computadores e que ao retirar estes equipamentos, elas começam a ficar ansiosas e ter ataques de pânico.

Embora pareça brincadeira, muitas pessoas acabam passando tempo demais acompanhando gráficos e influenciadores financeiros. Os celulares permitem que, além de acompanhar o mercado 24/7, elas também não tirem o olho das criptomoedas onde quer que estejam.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos