Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.672,76
    -3.755,42 (-3,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.402,73
    -283,30 (-0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,02
    +0,06 (+0,07%)
     
  • OURO

    1.769,90
    -0,60 (-0,03%)
     
  • BTC-USD

    64.110,09
    +2.285,37 (+3,70%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.485,13
    +21,77 (+1,49%)
     
  • S&P500

    4.519,63
    +33,17 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    35.457,31
    +198,70 (+0,56%)
     
  • FTSE

    7.217,53
    +13,70 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.473,35
    +257,83 (+0,88%)
     
  • NASDAQ

    15.380,25
    -18,25 (-0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5115
    +0,0153 (+0,24%)
     

Conheça o Truva, esportivo elétrico alemão de 1400cv e que custa quase R$ 4 mi

·2 minuto de leitura

A eletrificação não vai apenas atingir os carros de passeio e generalistas. Muitas empresas já se preparam para lançar modelos esportivos com propulsores 100% elétricos, aproveitando-se, claro, do torque imediato e da potência absurda que essa tecnologia oferece. Uma dessas marcas é a alemã Elektron Motors, já conhecida por ter desenvolvido um modelo de 2.300cv e que agora traz uma versão mais "mansa" do bólido, o Truva, que despeja "apenas" 1.400cv.

A ideia da fabricante é de que, no futuro, o Truva seja a base para carros de competição, compartilhando tecnologia para que as escuderias desenvolvam seus bólidos, como a croata Rimac Automobili. "A Elektron pretende produzir carros esportivos de alto e altíssimo desempenho, mas também sou piloto de corridas e pretendo entrar no mundo do automobilismo com a nossa empresa", disse Armagan Arabul, CEO da empresa.

E potencial para isso o Truva tem de sobra. Seu powertrain de 1.400cv é mais potente do que os carros de Formula 1, por exemplo. E mesmo sem revelar os dados de desempenho, é de se imaginar que sua performance seja assustadoramente boa, com um 0 a 100 km/h feito em no máximo 2 segundos. Para abastecer tudo isso, a Elektron instalou uma bateria de 100 kWh.

(Imagem: Divulgação/Elektron)
(Imagem: Divulgação/Elektron)

Para chegar nesse desempenho, a empresa também fez algumas escolhas interessantes do ponto de vista da engenharia. Assim como seu irmão mais potente, o Quasar, o Truva terá tração integral e motores nos dois eixos, sendo um no dianteiro e dois no traseiro, o que garante uma aceleração monstruosa.

Preço e disponibilidade

O Elektron Truva chega ao mercado europeu em 2023, com preço-base de 600 mil euros, ou R$ 3,7 milhões na cotação atual. Dados como autonomia e tecnologias embarcadas serão reveladas posteriormente, bem como as versões.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos