Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.417,66
    +998,06 (+2,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.282,75
    -226,75 (-1,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Conheça 4 navegadores baseados no Mozilla Firefox

·3 minuto de leitura

Atualmente, a internet é dominada pelo Chrome e seus derivados, com ótimos navegadores baseados no Chromium, como Opera, Vivaldi e Microsoft Edge — aliás, você sabe a diferença entre Chrome e Chromium? Porém, nem só de Chromium vive a web e é possível encontrar por aí algumas alternativas baseadas no Firefox.

Um dos mais longevos e conhecidos navegadores de internet de todos os tempos, o programa da Mozilla segue firme oferecendo recursos focados em usabilidade e privacidade, tudo sem abrir mão de um apelo visual bem legal e moderno. E uma das maiores provas disso é que ele continua inspirando outros programas do gênero — e, agora, você vai conhecer quatro navegadores baseados no Firefox.

Tor Browser (Windows | Mac | Linux | Android)

Talvez o mais famoso e requisitado da lista, o Tor Browser dá um reforço ainda maior nas defesas de privacidade do Firefox. Ele traz bloqueador de anúncios e rastreadores ativados por padrão, esconde a sua navegação de quem quer que possa estar vigiando as suas atividades e, com isso, garante uma anonimidade (quase) absoluta durante a navegação.

Tor Browser usa o penúltimo visual do Firefox e tem foco completo na privacidade (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
Tor Browser usa o penúltimo visual do Firefox e tem foco completo na privacidade (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Tudo isso se dá aqui de maneira simples, bastando um único clique para você se conectar à rede privada do Tor e seguir protegido web a fora. A parte mais legal é que tais opções estão disponíveis sem abandonar outros recursos básicos do Firefox — extensões, personalização do visual, gerenciador de senhas e até um jeito rápido de limpar dados de navegação rapidamente. Fica faltando, porém, um sistema de sincronização de dados, mas a ausência é até compreensível dada a natureza deste programa.

Waterfox (Windows | Mac | Linux)

Outro navegador famoso quando se fala em programas baseados no Firefox, o Waterfox tem um visual bem diferente daqueles historicamente adotados pelo navegador da Mozilla. Em certo aspecto, ele até lembra o Chrome, seja no estilo dos ícones, seja nos cantos arredondados das abas.

Waterfox parece uma mistura do Chrome com o Firefox (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
Waterfox parece uma mistura do Chrome com o Firefox (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

O Waterfox traz ainda um sistema de sincronização de dados — mas com login pouco intuitivo, vale ressaltar —, e pode ser personalizado tal qual o Firefox e seus derivados. É possível incrementar recursos por meio de extensões, mudar o visual com os temas e deixar tudo do seu jeito.

Basilisk (Windows | Linux)

O Basilisk parece um meio termo entre o que o Firefox já foi e o que ele é agora, tudo com uma pitadinha de ajustes visuais que também lembram o Chrome e derivados — os cantos curvados das abas e as transparências denunciam isso logo de cara.

Basilisk tem um visual que mistura o retrô e o moderno (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
Basilisk tem um visual que mistura o retrô e o moderno (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Ele ainda utiliza recursos de versões mais antigas do Firefox, mas oferece suporte a personalização para ficar do jeito de quem usa. Como ponto negativo, aqui também se sente a ausência de um sistema de sincronização de conteúdo entre mais de um dispositivo.

Pale Moon (Windows | Linux)

Você está em busca de um Firefox retrô? Então instale o Pale Moon e seja feliz! Este navegador traz um esquema antigo de organização de abas, com elas localizadas abaixo da barra de endereços, e tem também um botão dedicado no topo da janela, igual a versões bem antigas do aplicativo. O visual pode ser interessante especialmente para computadores com tela grande, onde as barras em excesso não vão tomar um espaço precioso do display.

Você quer um navegador retrô? O Pale Moon é para você (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
Você quer um navegador retrô? O Pale Moon é para você (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Como de praxe, apesar da pegada vintage, ele tem suporte para extensões modernas do Firefox e pode ser customizado aos montes. Uma de suas vantagens é o sistema de sincronização, mas vale dizer que ele também adota um mecanismo de login antigo (exige informação de certos códigos para login, modo menos intuitivo e prático do que usar nome de usuário e senha).

E aí, você já conhecia essas dicas? Já experimentou algum deles? Conta aí embaixo, nos comentários.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos