Mercado fechado
  • BOVESPA

    120.933,78
    -180,15 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.072,62
    -654,36 (-1,34%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,47
    +0,09 (+0,14%)
     
  • OURO

    1.771,20
    +0,60 (+0,03%)
     
  • BTC-USD

    56.061,09
    -102,09 (-0,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.273,66
    -25,30 (-1,95%)
     
  • S&P500

    4.163,26
    -22,21 (-0,53%)
     
  • DOW JONES

    34.077,63
    -123,04 (-0,36%)
     
  • FTSE

    7.000,08
    -19,45 (-0,28%)
     
  • HANG SENG

    29.106,15
    +136,44 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.685,37
    +2,00 (+0,01%)
     
  • NASDAQ

    13.899,25
    +2,00 (+0,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6761
    -0,0100 (-0,15%)
     

Congresso está aberto a negociar eventuais correções ao Orçamento, diz Pacheco

·1 minuto de leitura
Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), afirmou nesta terça-feira que o Congresso está aberto a discutir com o governo eventuais correções ao Orçamento de 2021.

O senador também informou que já avalia com o presidente da Câmara, Arthur Lira, (PP-AL), uma prorrogação por 30 dias dos trabalhos da comissão mista que discute a reforma tributária. O prazo da comissão se encerraria na quarta-feira.

Pacheco afirmou ainda que levará para discussão do colégio do líderes, na próxima semana, requerimento de convite ao novo ministro da Defesa, Braga Netto. O presidente do Senado afirmou que não iria especular qual seria a intenção, mas argumentou que a escolha de ministros é prerrogativa do presidente da República.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)