Mercado fechado
  • BOVESPA

    109.717,94
    -517,82 (-0,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.445,22
    +637,01 (+1,33%)
     
  • PETROLEO CRU

    94,27
    +2,34 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.803,60
    -10,10 (-0,56%)
     
  • BTC-USD

    24.129,89
    +438,60 (+1,85%)
     
  • CMC Crypto 200

    571,80
    -2,94 (-0,51%)
     
  • S&P500

    4.207,27
    -2,97 (-0,07%)
     
  • DOW JONES

    33.336,67
    +27,16 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.465,91
    -41,20 (-0,55%)
     
  • HANG SENG

    20.082,43
    +471,59 (+2,40%)
     
  • NIKKEI

    27.819,33
    -180,63 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    13.336,50
    -55,50 (-0,41%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3238
    +0,0774 (+1,48%)
     

Confira quem tem direito ao PIS/Pasep de R$ 3 mil

PIS/Pasep: Segundo dados do Ministério do Trabalho e Previdência, pelo menos 10 milhões de pessoas têm direito a valores a resgatar no fundo (Getty Creative)
PIS/Pasep: Segundo dados do Ministério do Trabalho e Previdência, pelo menos 10 milhões de pessoas têm direito a valores a resgatar no fundo (Getty Creative)
  • PIS/Pasep: Pelo menos 10 milhões de pessoas têm direito a valores a resgatar no fundo;

  • Podem retirar o dinheiro cidadãos que trabalharam por, ao menos, 30 dias em 2020 com a carteira assinada;

  • Pagamentos podem ser via conta corrente ou poupança na Caixa, poupança digital ou retirados presencialmente.

Trabalhadores que não sacaram os abonos de 2019 e 2020 poderão contar com até três saques do PIS/Pasep. A soma dos benefícios podem superar os R$ 3 mil.

Segundo dados do Ministério do Trabalho e Previdência, pelo menos 10 milhões de pessoas têm direito a valores a resgatar no fundo. Deste total, 470 mil pessoas têm direito ao abono salarial ano-base 2020 e 320 mil têm direito ao abono ano-base 2019.

Quem tem direito?

Podem retirar o dinheiro cidadãos que trabalharam por, ao menos, 30 dias em 2020 com a carteira assinada. Além de ter trabalhado no ano-base, é necessário que o trabalhador tenha recebido uma remuneração média mensal de até dois salários mínimos e também precisa estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos.

Outro ponto importante é ter atualizado os dados do seu funcionário na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS/eSocial). Quem estiver com todos os requisitos, pode pegar o dinheiro até o dia 29 de dezembro.

Caso queira consultar se tem direito ao abono salarial e o valor exato que receberá, basta baixar o aplicativo da Carteira de Trabalho Digital, disponível para Android e iOS.

Como sacar?

Os pagamentos podem ser via conta corrente ou poupança na Caixa, poupança digital ou retirados presencialmente. Veja abaixo os detalhes sobre cada um deles:

  • Conta corrente ou poupança na Caixa: Valores podem ser sacados com cartão magnético e documento de identificação nas agências da Caixa, casas lotéricas, terminais eletrônicos e correspondentes Caixa Aqui. Se o beneficiário recebe pela poupança digital pode movimentar o valor no aplicativo Caixa Tem.

  • Por meio do Cartão Cidadão: é possível sacar nos terminais de autoatendimento, casas lotéricas e postos Caixa Aqui, desde que possua a senha e esteja de acordo com o calendário de pagamento.

  • Saque nas agências, guichê de atendimento presencial ao público: É necessário levar o documento de identificação oficial com foto e o número do PIS. Esse número pode ser checado no site do Meu INSS, pelo Cnis (Cadastro Nacional de Informações Sociais), no aplicativo do FGTS e no aplicativo Caixa Trabalhador.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos