Mercado fechará em 15 mins

Confira os 5 tênis mais caros da história

Cultura sneakerhead está sempre atrás da nova moda no mundo dos tênis (Foto: Divulgação/Balenciaga)
Cultura sneakerhead está sempre atrás da nova moda no mundo dos tênis (Foto: Divulgação/Balenciaga)
  • Maior parte dos tênis mais caros foram vendidos em leilão;

  • Lista é dominada por modelos esportivos, mas modelo mais caro é streetwear;

  • Aficionados por tênis são conhecidos ao redor do mundo como sneakerheads.

Nas últimas décadas os tênis tiveram um grande crescimento em popularidade, se antes eles eram apenas um calçado comum, agora eles são objetos de uma subcultura própria, os sneakerheads, ou aficionados por tênis. Sempre de olho nos novos lançamentos e nos modelos mais exclusivos, esse subgrupo de pessoas do mundo inteiro não perde a chance de comprar e exibir o par da moda.

O hobby, no entanto, não é conhecido por ser barato. A exclusividade de cada coleção, aliado ao grande renome das marcas e dos designers fazem dos tênis de desejo dos sneakerheads objetos caros, que podem chegar a milhares de reais. Confira abaixo os 5 modelos de tênis mais caros da história, de acordo com a Forbes.

5 - US$ 437,5 mil (R$ 2,2 milhões) - Nike Waffle Racing Flat “Moon Shoe”

Vendido em um leilão da Sotheby's, este par de 1972 originalmente estava anunciado por US$ 160 mil, mas foi bastante disputado pelos participantes. O motivo para isto é o fato de fazer parte de apenas 12 pares produzidos pela Nike para o time olímpico dos Estados Unidos nos Jogos Olímpicos daquele ano, sendo desenvolvido pelo cofundador da marca Bill Bowerman.

4 - US$ 615 mil (R$ 3,2 milhões) - Air Jordan 1 High “Chicago”

Este par não tinha como não ser um dos mais caros já vendidos. Usado por Michael Jordan em 1985, na sua época nos Chicago Bulls, durante uma partida na Itália o modelo ainda conta com uma assinatura de Jordan, além de uma característica única: um caco de vidro na sola esquerda alojada após o jogador quebrar o vidro da tabela de basquete após enterrar uma cesta com força. O par também foi vendido pela Sotheby's em leilão, no ano de 2020.

3 - US$ 1,47 milhão (R$ 7,6 milhões) - Nike Air Ship

Quem diria, outro tênis usado pela lenda do basquete Michael Jordan. Desta vez um de 1984, um dos primeiros a ser utilizados pelo astro em sua carreira no Chicago Bulls. O modelo é anterior à linha autoral de roupas e calçados com a empresa de artigos esportivos norte-americana, porém isso não impediu que seu valor chegasse às alturas em um leilão da Sotheby's no ano passado.

2 - US$ 1,8 milhão (R$ 9,4 milhões) - Nike Air Yeezy 1

Único tênis da lista que não é ligado aos esportes, o Nike Air Yeezy simboliza a ascensão do streetwear no mundo dos tênis. Antes de Kanye West criar sua marca própria de sapatos, ele apresentou suas primeiras criações junto da Nike durante o Grammy de 2008. Vendido pela Sotheby's no ano passado, este é o tênis mais caro já vendido, e você logo verá porque.

1 - US$ 2 milhões (R$ 10,4 milhões) - Solid Gold OVO x Air Jordans

Esse modelo, apesar de mais caro do mundo, não é muito prático de se usar. Na verdade é impossível, pois se trata de um par de tênis feito de ouro sólido 24 quilates criado especialmente para Drake em 2016. O material não aumenta só o preço do par, mas também seu peso, cerca de 22 quilos cada pé.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos