Mercado abrirá em 4 h 41 min
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,32 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -909,02 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    85,52
    +0,38 (+0,45%)
     
  • OURO

    1.837,00
    +5,20 (+0,28%)
     
  • BTC-USD

    35.187,45
    -308,18 (-0,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    811,07
    +568,40 (+234,22%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,03 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.643,49
    -322,06 (-1,29%)
     
  • NIKKEI

    27.588,37
    +66,11 (+0,24%)
     
  • NASDAQ

    14.513,50
    +87,00 (+0,60%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1721
    -0,0179 (-0,29%)
     

Confira 10 passos para fugir de crimes e golpes nas redes sociais

·2 min de leitura

É comum que no começo de qualquer ano as redes sociais fiquem mais agitadas, com conteúdos como fotos e vídeos de viagens e festas sendo postadas. Porém, essa movimentação, sem que muitos usuários possam perceber, também faz com que criminosos virtuais comecem a praticar mais golpes tanto dentro quanto fora desses ambientes.

Fotos de viagens podem indicar para criminosos que a casa dos usuários está desocupada, sendo um momento propricio para roubos. Além disso, a partir da postagens de rotinas de férias, como restaurantes, um carro de luxo alugado ou coisas do tipo, os golpistas podem avaliar se a pessoa é um alvo lucrativo, além de também começarem a entender a estrutura familiar delas.

E, claro, também existe o risco digital, onde os criminosos podem roubar a conta dos usuários para usar seus nomes em outros golpes, assim como também cobrar resgate pelo retorno do acesso à vítima. Tudo isso pode ocorrer por erros simples, desde o uso de senhas fracas até acessar internet via uma rede Wi-Fi pública, sem nenhuma proteção.

Como se prevenir

<em>Postagens em redes sociais podem dar informações sobre os usuários para os criminosos. (Imagem: Reprodução/Brett Jordan/Unsplash)</em>
Postagens em redes sociais podem dar informações sobre os usuários para os criminosos. (Imagem: Reprodução/Brett Jordan/Unsplash)

Mesmo todos esses riscos aparentando ser assustadores, há formas de se proteger, conforme 10 passos compartilhados com o Canaltech pelo escritório Morais Advogados. Listamos eles a seguir:

  • Evite passar informações prévias sobre viagem e passeios que irá realizar, bem como tomar cuidado ao marcar o local onde está;

  • Altere constantemente as senhas das redes sociais e busque sempre que essas não sejam simples;

  • Utilize todas as ferramentas de segurança que essas redes disponibilizam, como é o caso de autenticação dupla ou tripla, por meio de SMS ou aplicativos do Google e outros;

  • Evite utilizar redes públicas para acessar redes sociais e, principalmente, não acesse nada em dispositivos que não sejam seu ou de pessoas de confiança;

  • Evite aceitar qualquer pedido de amizade e cuidado com as amizades em redes sociais, muitas vezes quem está do outro lado não é que se pensa;

  • Evite postagens que passem informações pessoais (até nome completo) e dados como telefone ou conta bancária. Proteja também a imagens das crianças nas redes sociais;

  • Ao sair da rede social o ideal é sempre deslogar da mesma, nunca deixe aparelhos abertos ou sem senha, nem para ‘ir ao banheiro’, sempre trave. Também proteja seus aparelhos com senhas que não sejam simples;

  • Em caso de empresas ou influencer é fundamental possuir políticas de uso de redes sociais e ter termos de responsabilidades para que as pessoas que vão cuidar assinem quando houver terceirização;

  • Não clique em links ou botões e nada que seja suspeito, mesmo que a pessoa seja de confiança, e suspeite sempre de alguém pedindo informações pessoais e empréstimos, compra e vendas;

  • Caso tenha parentes que não tenham tanto conhecimento sobre o tema, explique e mostre os caminhos para se protegerem;

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos