Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.608,05
    -2.001,62 (-5,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    884,97
    -54,98 (-5,85%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Confiança na economia aumenta em maio, diz pesquisa do RJ

·1 minuto de leitura
Levantamento foi feito pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec RJ)
Levantamento foi feito pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec RJ)

Os consumidores fluminenses estão mais confiantes na economia. É o que mostra uma pesquisa feita pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec RJ), indicando que 29,9% dos entrevistados têm expectativas positivas sobre o país para os próximos meses. Ao serem perguntados sobre emprego, o número aumenta: 49,8% da população respondeu que reduziu o medo de perder sua ocupação. As informações são do jornal O Dia.

Em março, o percentual de consumidores com medo do desemprego alcançou sua maior alta dentro da série histórica, com 62,1%. O número apresentou redução no mês de maio.

Leia também:

Sobre as expectativas da retomada da economia para os próximos três meses, os consumidores disseram estarem 'confiantes ou muito confiantes'. Dos que acreditam que possa haver piora, responderam 24,6% dos entrevistados. Quem acha que não haverá alteração alcançou 19% em maio, sendo 21,6% em abril.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos