Mercado abrirá em 8 h 33 min
  • BOVESPA

    100.552,44
    +12,61 (+0,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.669,25
    +467,44 (+1,22%)
     
  • PETROLEO CRU

    39,80
    -0,23 (-0,57%)
     
  • OURO

    1.916,70
    -12,80 (-0,66%)
     
  • BTC-USD

    12.796,98
    +1.739,97 (+15,74%)
     
  • CMC Crypto 200

    256,49
    +11,60 (+4,73%)
     
  • S&P500

    3.435,56
    -7,56 (-0,22%)
     
  • DOW JONES

    28.210,82
    -97,97 (-0,35%)
     
  • FTSE

    5.776,50
    -112,72 (-1,91%)
     
  • HANG SENG

    24.709,38
    -45,04 (-0,18%)
     
  • NIKKEI

    23.454,85
    -184,61 (-0,78%)
     
  • NASDAQ

    11.627,00
    -64,25 (-0,55%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6510
    +0,0010 (+0,02%)
     

Confiança na zona do euro melhora mais que o esperado em setembro

·1 minuto de leitura
Caixa eletrônico em Sevilha, na Espanha
Caixa eletrônico em Sevilha, na Espanha

BRUXELAS (Reuters) - A confiança econômica da zona do euro melhorou mais do que o esperado em setembro, segundo dados divulgados nesta terça-feira, graças principalmente a um aumento no otimismo do setor de serviços apesar das preocupações com uma segunda onda do coronavírus.

A pesquisa mensal da Comissão Europeia mostrou que o sentimento nos 19 países que usam o euro subiu a 91,1 pontos este mês de 87,5 em agosto, superando as expectativas do mercado de melhora a 89,0 pontos.

A melhora foi resultado principalmente do sentimento em serviços, maior setor da economia da zona do euro, que melhorou a -11,1 de -17,2. Economistas consultados pela Reuters esperavam alta a apenas -15,7.

O otimismo na indústria subiu a -11,1 de -12,8, contra expectativa de -10,0. O sentimento do consumidor ficou em linha com o esperado, em -13,9 de -14,7.

(Reportagem de Jan Strupczewski)