Mercado fechado

Confiança na indústria em setembro pode ser a maior desde 2013, aponta FGV

·1 minuto de leitura

Crescimento da confiança em prévia decorre tanto da avaliação positiva dos empresários em relação ao presente quanto do otimismo para os próximos meses A prévia da Sondagem da Indústria de setembro da Fundação Getulio Vargas (FGV) sinaliza avanço de 7,2 pontos do Índice de Confiança da Indústria (ICI) em relação ao número final de agosto, para 105,9 pontos. Se o resultado se confirmar, esse será o maior resultado do índice desde janeiro de 2013 (106,7 pontos). Dado Galdieri/Bloomberg O crescimento da confiança decorre tanto da avaliação positiva dos empresários em relação ao presente quanto do otimismo para os próximos meses. O Índice de Situação Atual aumentou 8,9 pontos, para 106,7 pontos. Já o Índice de Expectativas avançou 5,5 pontos, para 105,1 pontos. O dado preliminar desse mês indica aumento de 2,7 pontos percentuais do Nível de Utilização da Capacidade Instalada da Indústria (Nuci), para 78%, o maior desde março de 2015. Com este valor, a média do terceiro trimestre ficaria 13,8 pontos acima da média do segundo trimestre.