Confiança do consumidor recua pelo 3º mês seguido

A preocupação com o endividamento está desestabilizando a confiança do consumidor. Em dezembro, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) caiu pelo terceiro mês consecutivo, tendo fechado em baixa de 1,1%. A situação financeira da família foi a principal responsável pelo recuo do indicador neste mês, segundo o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV), responsável pela sondagem. "O indicador de poupança já estava caindo há três meses. Agora, o que aparece é a preocupação com o endividamento", afirmou a economista do Ibre Viviane Seda.

Na passagem de novembro para dezembro, o item "situação financeira atual da família" caiu 3,7% e, comparado a dezembro do ano anterior, recuou 4,5%. A avaliação da economista da FGV é de que os consumidores, principalmente os do grupo de mais baixa renda, estão com os orçamentos comprometidos por dívidas passadas e não pela compra de bens duráveis. Por isso, apesar de informar que as suas finanças não andam bem, as famílias planejam adquirir eletrodomésticos, eletrônicos e móveis. "Pode ser que esteja havendo um redirecionamento da renda, que antes estava sendo usada para pagar dívidas. O consumidor está disposto a comprar duráveis e a poupar", ressaltou.

O indicador relativo à intenção de compra de duráveis subiu 5,5% em dezembro e, especificamente entre as famílias com renda mensal de até R$ 2,1 mil, avançou 10,3%. Viviane destaca, contudo, que a alta deste mês não foi suficiente para compensar perdas passadas. De setembro a novembro, o indicador de intenção de compra de duráveis relativo a este mesmo grupo acumulou queda de 13,0%. "É um resultado muito pontual. Temos de avaliar se a intenção de compra de duráveis irá permanecer. Tem a questão da demanda reprimida, que pode ser influenciada pela redução do IPI", disse Viviane. Já para os consumidores com renda superior a R$ 9,6 mil, a intenção de compra caiu 1,1% em dezembro.

cotações recentes

 
Cotações recentes
Símbolo Preço Variação % Var 
Seus tickers vistos mais recentemente aparecerão aqui automaticamente se você digitou um ticker no campo "Inserir símbolo/empresa" na parte inferior deste módulo.
É necessário permitir os cookies do seu navegador para ver as cotações mais recentes.
 
Entre para ver as cotações nos seus portfólios.

Resumo do Mercado

  • Moedas
    Moedas
    NomePreçoVariação% Variação
    3,2645+0,0348+1,08%
    USDBRL=X
    3,6549+0,0107+0,29%
    EURBRL=X
    0,8928+0,0069+0,78%
    USDEUR=X
  • Commodities
    Commodities
    NomePreçoVariação% Variação

Destaques do Mercado

  • Líderes em Volume
    Líderes em Volume
    NomePreçoVariação% Variação
    12,55+0,02+0,16%
    PETR4.SA
    3,58+0,22+6,55%
    USIM5.SA
    3,67+0,05+1,38%
    GOAU4.SA
    15,07-0,34-2,21%
    VALE5.SA
    8,58+0,08+0,94%
    ITSA4.SA
  • Altas %
    Altas %
    NomePreçoVariação% Variação
    1,67+0,37+28,46%
    PSVM11.SA
    37,50+7,50+25,00%
    CBEE3.SA
    5,00+0,94+23,15%
    ENGI3.SA
    3,59+0,59+19,67%
    OIBR3.SA
    2,37+0,27+12,86%
    OIBR4.SA
  • Baixas %
    Baixas %
    NomePreçoVariação% Variação
    33,11-6,76-16,96%
    BAZA3.SA
    2,20-0,21-8,71%
    MWET4.SA
    1,79-0,17-8,67%
    CTSA4.SA
    2,25-0,19-7,79%
    HAGA4.SA
    2,53-0,16-5,95%
    VIVR3.SA