Mercado abrirá em 8 h 11 min
  • BOVESPA

    122.515,74
    +714,95 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.869,48
    +1,16 (+0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,22
    -0,04 (-0,06%)
     
  • OURO

    1.814,80
    -7,40 (-0,41%)
     
  • BTC-USD

    38.615,25
    -1.152,18 (-2,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    942,36
    -18,54 (-1,93%)
     
  • S&P500

    4.387,16
    -8,10 (-0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.838,16
    -97,31 (-0,28%)
     
  • FTSE

    7.081,72
    +49,42 (+0,70%)
     
  • HANG SENG

    25.987,16
    -248,64 (-0,95%)
     
  • NIKKEI

    27.540,21
    -240,81 (-0,87%)
     
  • NASDAQ

    14.970,25
    +17,50 (+0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1223
    -0,0218 (-0,35%)
     

Condição do milho do Paraná piora após geadas e mais de 40% está 'ruim', diz Deral

·1 minuto de leitura
Lavoura de milho em Itajaí

Por Roberto Samora

SÃO PAULO (Reuters) - As condições das lavouras de milho do Paraná se deterioraram mais após as geadas da semana passada, e agora 42% das plantações estão avaliadas como "ruins", versus 33% qualificadas assim antes do impacto do frio intenso, de acordo com dados publicados nesta terça-feira pelo Departamento de Economia Rural (Deral).

O órgão do governo do Paraná, tradicionalmente o segundo produtor de milho do Brasil, também apontou que 46% das lavouras estão em condição "média", versus 41% na semana anterior.

Em boas condições o Deral classificou apenas 12% das áreas, ante 26% na semana anterior.

O milho foi uma das culturas mais atingidas na semana passada pelo frio intenso, que ocorreu também em áreas de outros Estados, como o Mato Grosso do Sul.

Consultorias privadas reduziram mais a produção da segunda safra do cereal do Brasil, que já estava fortemente impactada pela seca.

O Deral apontou ainda que a colheita de milho do Paraná avançou para 3% da área, um ponto percentual acima da semana anterior.

Atualmente, 33% das áreas estão em maturação, enquanto 61% em frutificação.

O departamento informou ainda que o plantio de trigo está praticamente encerrado, atingindo 98% da área prevista.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos