Mercado abrirá em 3 h 29 min
  • BOVESPA

    111.539,80
    +1.204,97 (+1,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.682,19
    +897,61 (+2,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    60,07
    +0,32 (+0,54%)
     
  • OURO

    1.725,80
    -7,80 (-0,45%)
     
  • BTC-USD

    51.358,98
    +2.511,79 (+5,14%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.027,87
    +39,78 (+4,03%)
     
  • S&P500

    3.870,29
    -31,53 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.391,52
    -143,99 (-0,46%)
     
  • FTSE

    6.703,37
    +89,62 (+1,36%)
     
  • HANG SENG

    29.880,42
    +784,56 (+2,70%)
     
  • NIKKEI

    29.559,10
    +150,93 (+0,51%)
     
  • NASDAQ

    13.162,00
    +106,75 (+0,82%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,8704
    +0,0083 (+0,12%)
     

Concurso da Polícia Federal com salários de até R$ 23 mil tem inscrições até esta terça (9)

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Marcelo Camargo/Agência Brasil
Marcelo Camargo/Agência Brasil

Terminam às 18h (horário de Brasília) nesta terça-feira (9) as inscrições para o concurso da Polícia Federal por meio do qual a corporação vai contratar 1,5 mil pessoas para início imediato.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

No topo da lista de salários, está a de delegado da PF, que fatura mais de R$ 23 mil mensais. O edital está disponível neste link.

Leia também:

As carreiras disponível são as seguintes:

  • Agente da Polícia Federal: R$ 12.522,50

  • Escrivão da Polícia Federal: R$ 12.522,50

  • Papiloscopista da Polícia Federal: R$ 12.522,50

  • Delegado da Polícia Federal: R$ 23.692,74

As inscrições foram abertas em 22 de janeiro. Além de provas objetiva e discursiva, haverá outros três testes:

  • Aptidão física;

  • Avaliação médica;

  • Avaliação psicológica.

As provas devem ocorrer em 21 de março deste ano.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube