Mercado fechará em 3 h 51 min
  • BOVESPA

    100.797,92
    +34,32 (+0,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.186,63
    -108,20 (-0,22%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,96
    +1,39 (+1,27%)
     
  • OURO

    1.822,10
    -2,70 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    20.589,70
    -140,09 (-0,68%)
     
  • CMC Crypto 200

    448,16
    -1,90 (-0,42%)
     
  • S&P500

    3.853,92
    -46,19 (-1,18%)
     
  • DOW JONES

    31.226,77
    -211,49 (-0,67%)
     
  • FTSE

    7.323,41
    +65,09 (+0,90%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,45 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    11.804,75
    -235,75 (-1,96%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5317
    -0,0124 (-0,22%)
     

Concessionárias de rodovias elevam pressão por revisão de contratos

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Afetadas pelo avanço no preço dos materiais de pavimentação, concessionárias de rodovias elevam a pressão por revisão dos contratos.

Marco Aurélio Barcelos, diretor-presidente da ABCR (associação que reúne as empresas), afirma os negócios fechados há mais de um ano estão defasados. "Há 20 meses estamos observando que o comportamento dos preços tem sido anormal", diz Barcelos.

Ele também considera importante revisar o mecanismo para os futuros contratos, que hoje são corrigidos pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo).

Estudo realizado pela entidade mostra que, entre outubro de 2020 a março de 2022, o IPCA acumulou 16% e o preço do cimento asfáltico de petróleo bateu 80%.

"Precisamos de outros mecanismos, porque o IPCA não reflete comportamento de preço para a indústria. Há um deslocamento", afirma Barcelos.

Segundo ele, a disparidade repercute sobre agenda de concessões no Brasil e os últimos leilões com número reduzido de interessados corroboram essa preocupação do setor.

"É um sinal de alerta quanto à atratividade dos projetos."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos