Comprar em supermercados fica 0,66% mais caro em novembro

SÃO PAULO - Os preços praticados pelos supermercados em novembro subiram 0,66%, na comparação com outubro, conforme divulgou a Abras (Associação Brasileira de Supermercados) nesta quinta-feira (20).

Dos produtos avaliados, as maiores altas de preço foram observadas na farinha de mandioca (12,92%), no queijo mussarela (4,53%) e queijo prato (3,50%). Por outro lado, as quedas mais intensas foram nos preços do tomate (-16,48%), na cebola (-11,32%) e na batata (-6,40%).

Na comparação com 2011, a cesta com 35 produtos de largo consumo apresentou crescimento de 8,05%, passando de R$ 311,77 em novembro do ano passado para R$ 336,86 no décimo primeiro mês de 2012.

Pelo Brasil
Por região do País, a cesta mais cara identificada foi a da região Norte, que atingiu R$ 379,84 em novembro, após aumentar 2,73% em um mês.

A cesta do Sul foi a segunda mais cara, ao atingir R$ 362,94 no mês passado. Comparando com o valor apresentado em outubro, a cesta registrou alta de 0,51%. O preço da cesta do Centro-Oeste apresentou alta de 0,65%, enquanto a do Nordeste e Sudeste registraram queda de 0,51% e 0,43%, respectivamente.

Carregando...