Mercado fechará em 34 mins
  • BOVESPA

    124.327,43
    -1.676,43 (-1,33%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.949,89
    +52,10 (+0,10%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,65
    -0,26 (-0,36%)
     
  • OURO

    1.799,80
    +0,60 (+0,03%)
     
  • BTC-USD

    37.977,93
    -2.456,89 (-6,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    896,25
    +20,02 (+2,28%)
     
  • S&P500

    4.393,26
    -29,04 (-0,66%)
     
  • DOW JONES

    35.013,74
    -130,57 (-0,37%)
     
  • FTSE

    6.996,08
    -29,35 (-0,42%)
     
  • HANG SENG

    25.086,43
    -1.105,89 (-4,22%)
     
  • NIKKEI

    27.970,22
    +136,93 (+0,49%)
     
  • NASDAQ

    14.906,50
    -211,25 (-1,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1222
    +0,0119 (+0,19%)
     

Compra da ARM pela Nvdia ganha aval da Broadcom, Marvell e MediaTek

·2 minuto de leitura
Compra da ARM pela Nvdia ganha aval da Broadcom, Marvell e MediaTek
Compra da ARM pela Nvdia ganha aval da Broadcom, Marvell e MediaTek

A compra da ARM pela Nvidia já tem a aprovação de três grandes marcas do setor de semicondutores: Broadcom, Marvell e MediaTek. O aval dos representantes das empresas é um ponto positivo para que as burocracias da negociação sejam superadas e finalizadas. No entanto, há gigantes do segmento que já se posicionaram contrárias à negociação, como a Qualcomm, Google e Microsoft.

Negociação truncada da compra da ARM pela Nvidia

Apesar do negócio ter sido anunciado em setembro de 2020, até agora o processo não foi concluído por conta da dificuldade de aprovação pelos órgãos reguladores dos Estados Unidos, China e União Europeia. Isso porque as nações precisam de dados que comprovem que a movimentação não representa uma ação anticompetitiva.

Inclusive, existe um prazo até setembro de 2022 para o negócio ser fechado. Caso contrário, a compra pode ser cancelada.

Leia mais:

Posicionamento das marcas

A Broadcom informou que a ARM é uma parceira chave e que o acesso a sua tecnologia faz parte dos sucessos obtidos até o momento, destinando apoio ao processo de aquisição.

“A Broadcom apoia a compra pela Nvdia porque ela vai aumentar o investimento geral na tecnologia da ARM, tornando as tecnologias disponíveis para a indústria em base justa, razoável e não discriminatória”, afirmou à CNBC o chefe executivo da Brodcom, Hock Tan.

placa nvdia descrita em micro
A Nvdia pretende incrementar novas tecnologias em seus produtos caso a compra da ARM seja efetivada antes de setembro de 2022. Imagem: bagussatria / Shutterstock

Para o CEO da Marvell, Matt Murphy, a compra é um bom sinal para acelerar o planejamento dos processos de alto desempenho e a possibilidade de designs mais arrojados. “Esperamos que a fusão permita que a MediaTek e outras indústrias tenham produtos mais competitivos no mercado”, concluiu o chefe da MediaTek, Rick Tsai.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos