Mercado abrirá em 3 h 5 min
  • BOVESPA

    100.763,60
    +2.091,34 (+2,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.294,83
    +553,33 (+1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    111,15
    +1,58 (+1,44%)
     
  • OURO

    1.827,10
    +2,30 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    21.089,67
    -377,25 (-1,76%)
     
  • CMC Crypto 200

    460,45
    -1,34 (-0,29%)
     
  • S&P500

    3.900,11
    -11,63 (-0,30%)
     
  • DOW JONES

    31.438,26
    -62,42 (-0,20%)
     
  • FTSE

    7.334,25
    +75,93 (+1,05%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,45 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.087,75
    +47,25 (+0,39%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5345
    -0,0096 (-0,17%)
     

Comparativo Galaxy A73 5G x A72: vale a pena fazer o upgrade?

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A Samsung já atualizou sua linha Galaxy A para 2022, e o Galaxy A73 5G foi o principal lançamento. Ele não só marcou a estreia de uma câmera principal de 108 MP na família intermediária, como também chegou com suporte às redes 5G e um dos chipsets do segmento mais avançados.

Mas, afinal, o que mudou em relação ao Galaxy A72? Vale a pena fazer o upgrade se você já tiver o celular da geração passada? Eu testei os dois smartphones e conto o que melhorou, piorou, e se vale trocar, neste comparativo!

Construção e design

A Samsung não mexeu no time que estava ganhando e manteve o design e a construção do Galaxy A72 na atual geração. Particularmente, achei a decisão parcialmente acertada porque o A73 5G continuou bonito, resistente à água e com aquele bump de câmeras integrado ao corpo.

Mas confesso que também gostaria de ter visto algumas evoluções nesse departamento em relação ao A72, visto que falamos do atual carro-chefe da linha Galaxy A. Entendo que traseira de vidro seria pedir demais, mas, se fosse, seria ótimo. Entretanto, não vejo problema no plástico fosco empregado no novo aparelho.

O Galaxy A73 5G é quase o mesmo projeto do A72 (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
O Galaxy A73 5G é quase o mesmo projeto do A72 (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

A ausência de um suporte ao carregamento sem fio foi o que mais senti, característica cada vez mais querida pelos usuários. Seria um diferencial e tanto em relação à geração passada e outros smartphones intermediários avançados, que só possuem fast charging com fio.

O Galaxy A73 5G não só não evoluiu nada quando comparado com o A72, como também cortou custos em alguns lugares. O conector de 3,5 mm para fones de ouvido, por exemplo, não existe mais na nova geração — embora fosse questão de tempo para isso acontecer.

Bem que a Samsung poderia justificar a falta da entrada com alto-falantes estéreos melhores que os do antecessor, mas não. Parecem ser as mesmas peças presentes no A72: os médios e agudos são bem definidos, os graves desapontam um pouco. Geralmente, é um bom som, porém nada impressionante.

Resumindo, definitivamente não será em design que você verá motivos para fazer o upgrade do A72 para o A73 5G. A Samsung só manteve o que já estava dando certo.

Tela

Se no design não tivemos novidade, na tela podemos dizer que houve uma evolução — por menor que seja. O Galaxy A73 5G manteve o painel de 6,7 polegadas com resolução Full HD estendido do A72, mas trocou a tecnologia Super AMOLED por Super AMOLED Plus.

As duas soluções oferecem pretos profundos e cores extremamente vivas, com o Super AMOLED Plus prometendo apenas mais nitidez. Nos meus testes com os dois aparelhos, no entanto, percebi apenas um brilho máximo superior no modelo da nova geração, melhor em ambientes externos.

O Galaxy A73 5G melhorou na tela, mas o A72 ainda é excelento no departamento (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
O Galaxy A73 5G melhorou na tela, mas o A72 ainda é excelento no departamento (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

O Galaxy A73 5G também aperfeiçoou a tecnologia de atualização da tela. Agora, a refresh rate do display se ajusta entre 48 e 120 Hz com base no conteúdo exibido, a fim de consumir menos energia. Ou seja, jogos compatíveis ficam mais fluidos, enquanto vídeos no YouTube e streaming, não.

Somente para comparação, a tela do A72 é de 90 Hz, mas não há tecnologia adaptativa. Isso quer dizer que, independente do conteúdo, o smartphone sempre tentará oferecer a maior frequência, o que resultará num maior consumo de energia.

Configurações e desempenho

O Galaxy A73 5G é equipado com o Snapdragon 778G 5G, que já habilita muitos recursos mais “apropriados” para o momento e inexistentes no Galaxy A72: conexões 5G e Wi-Fi 6. O modelo da geração passada não chegou ao Brasil com a nova tecnologia.

Além das novas conexões, o A73 5G tem melhores CPU e GPU, o que, naturalmente, resulta em um desempenho muito superior em relação ao Snapdragon 720G do Galaxy A72. Todos os jogos devem rodar com mais fluidez e sem engasgos.

Com relação à memória RAM e armazenamento interno, os dois possuem 6 GB e 128 GB, respectivamente. Mas o novo smartphone se sai melhor em multitarefas devido ao maior poder de processamento.

O Galaxy A73 5G é potente, apenas um passo atrás do segmento topo de linha (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
O Galaxy A73 5G é potente, apenas um passo atrás do segmento topo de linha (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Quando o assunto é software, os dois rodam a interface One UI 4.1 em cima do Android 12. O A73 5G já chegou ao mercado com a nova geração do Android, o que significa que ele será atualizado por mais tempo, no caso, até o futuro Android 16 — se a Samsung mantiver seu cronograma.

Já o Galaxy A72 foi lançado com o Android 11, portanto, ganhará atualizações até o Android 15. Só não dá para saber como o desempenho do celular, com o chipset mais “simples”, estará depois de alguns anos.

Câmeras

O departamento fotográfico do Galaxy A73 5G recebeu boas e más mudanças em relação A72. A novidade positiva é a estreia do sensor de 108 MP, que não é a mesma do S22 Ultra, mas promete fotos melhores que o antecessor, que tem 64 MP, principalmente em ambientes noturnos.

Na prática, o A73 5G tira fotos melhores que o A72, mas a diferença não é tão perceptiva. As fotos do novo celular tem uma definição superior, mas o pós-processamento atua de forma semelhante do antecessor, adicionando mais saturação e contraste em diversos cenários.

Modo retrato do A73 5G é ótimo (Imagem: Diego Sousa/Canaltech)
Modo retrato do A73 5G é ótimo (Imagem: Diego Sousa/Canaltech)

Ou seja, em ambos os modelos, temos cores vibrantes, bom alcance dinâmico e nitidez que chamam a atenção. Eu já falei em outras pautas sobre smartphones da Samsung que essa modificação me agrada bastante, pois deixa as fotos prontas para as redes sociais.

Mas o A72 ainda tem uma ótima câmera principal, com bom alcance dinâmico e pós-processamento que me agrada. Tem o já conhecido toque da Samsung que entrega fotos mais saturadas e com nitidez para chamar mais atenção — no segmento intermediário, funciona.

Foto com a câmera principal do A72 (Imagem: Diego Sousa/Canaltech)
Foto com a câmera principal do A72 (Imagem: Diego Sousa/Canaltech)

Em ambientes noturnos, entretanto, o A73 5G melhorou bastante. A principal melhoria está na preservação das cores, bem feita no aparelho mais novo. Os níveis de ruído também parecem ter diminuído, provavelmente devido ao chipset mais inteligente.

As câmeras ultrawide e macro são basicamente as mesmas nos dois modelos. Não são ruins, mas não se destacam em relação a outros modelos da própria linha Galaxy A.

A novidade, por outro lado, é que o Galaxy A73 5G trocou a lente telefoto do A72, que tirava ótimas fotos com zoom de 3x, inclusive, por um sensor de profundidade que, em 2022, não serve para nada. Acredito ter sido o principal retrocesso da nova geração.

Galeria de fotos do Galaxy A73 5G

Galeria de fotos do Galaxt A72

Bateria e carregamento

Como eu comentei mais acima, o Galaxy A73 5G não tem carregamento sem fio, portanto não há nada de novo em relação ao A72. Ambos possuem 5.000 mAh de bateria com suporte a fast charging de 25 W.

No dia a dia, não há nenhuma diferença gritante na autonomia de bateria que valha destacar. Naturalmente, o Snapdragon 778G 5G é mais eficiente e consome menos energia que o Snapdragon 720G em tarefas como reprodução de vídeos via streaming, jogos e redes sociais.

Bateria do <a class="link " href="https://canaltech.com.br/produto/oppo/a72-5g/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:A72 5G">A72 5G</a> é melhor, mas A72 também se sai bem (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
Bateria do A72 5G é melhor, mas A72 também se sai bem (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Mas eu também obtive bons resultados com o Galaxy A72. Normalmente, ele pode aguentar tranquilamente dois dias de uso, considerando uma utilização menos exigente, com apps de redes sociais e jogos casualmente.

E no carregamento também não há nada de diferente. Com 25 W de potência, os dois celulares carregam rápido, indo de 0% a 100% em cerca de uma hora de 20 minutos, ótima marca para o setor.

Comparativo de fichas técnicas

Galaxy A73 5G

Galaxy A72

Dimensões e peso

163.7 x 76.1 x 7.6 mm, 181 g

165 x 77.4 x 8.4 mm, 203 g

Construção

Plástico

Plástico

Tela

6,7", Full HD, Super AMOLED Plus, 120 Hz

6,7", Full HD, Super AMOLED, 90 Hz

Chipset

Snapdragon 778G 5G

Snapdragon 720G

RAM

6 GB

6 GB

Memória

128 GB s/ microSD

128 GB c/ microSD

Câmeras

108 MP + 12 MP + 5 MP + 5 MP + 32 MP

64 MP + 12 MP + 8 MP + 5 MP + 32 MP

Bateria

5.000 mAh

5.000 mAh

Galaxy A73 5G x Galaxy A72: vale a pena trocar?

Apesar de ser geralmente melhor que o Galaxy A72, acredito que ainda não valha a pena trocar o Galaxy A72 pelo Galaxy A73 5G no momento. Como ele foi lançado recentemente, ainda não houve uma queda no preço que justifique o upgrade.

Nesta geração de 2022 não houve muitas evoluções no principal modelo da linha Galaxy A como tivemos no A72 em relação A71. Muitas coisas permaneceram iguais melhoraram pouco, como o design, a tela mais brilhosa e a bateria ligeiramente melhor. Apenas o desempenho e o 5G valem a pena, pois até o conjunto fotográfico não melhorou tanto.

A sensação que eu tive quando testei o Galaxy A73 5G foi de que se tratava de um "A72 Pro" ou "A72s", assim como o Galaxy A52s 5G foi para o Galaxy A52. Quando ele baixar um pouco de preço em alguns meses, começará a ficar mais interessante.

Confira os preços do Samsung Galaxy A73 5G

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos