Mercado fechará em 2 h 22 min
  • BOVESPA

    107.383,89
    -1.557,79 (-1,43%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.294,95
    -1.304,43 (-2,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,69
    -2,45 (-2,88%)
     
  • OURO

    1.833,70
    +1,90 (+0,10%)
     
  • BTC-USD

    34.344,13
    -895,72 (-2,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    783,00
    -27,60 (-3,40%)
     
  • S&P500

    4.274,06
    -123,88 (-2,82%)
     
  • DOW JONES

    33.495,27
    -770,10 (-2,25%)
     
  • FTSE

    7.309,41
    -184,72 (-2,46%)
     
  • HANG SENG

    24.656,46
    -309,09 (-1,24%)
     
  • NIKKEI

    27.588,37
    +66,11 (+0,24%)
     
  • NASDAQ

    14.023,75
    -402,75 (-2,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2311
    +0,0411 (+0,66%)
     

Companhias já cancelaram mais de 2.000 na véspera do Natal, diz FlightAware

·2 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Companhias aéreas de todo o mundo cancelaram mais de 2.000 voos até o final da manhã desta sexta-feira (24), véspera do Natal, disse o site FlightAware, numa indicação de como a pandemia de Covid-19 está afetando as viagens de fim de ano.

O site mostrou que a partir das 10h20 (horário de Brasília), 2.028 voos ao redor do mundo haviam sido cancelados.

O aumento rápido de infecções causado pela ômicron, tem levado passageiros e companhias aéreas a reconsiderarem viagens. Na última quinta-feira (23), a Lufthansa anunciou que vai cancelar milhares de voos devido à propagação da nova variante do coronavírus.

"Constatamos uma importante queda das reservas entre meados de janeiro e fevereiro", portanto "devemos cancelar 33 mil voos, ou seja, cerca de 10% dos voos programados para este inverno [boreal]", informou Carsten Spohr, diretor-executivo da Lufthansa em entrevista ao jornal Frankfurter Allgemeine Sonntagszeitung.

A companhia aérea alemã também anunciou que cancelaria voos intercontinentais devido ao adoecimento de muitos pilotos.

"As conexões transatlânticas para a América do Norte com destino a Boston, Houston e Washington estão afetadas, principalmente de 23 a 26 de dezembro, devido ao aumento do número de doentes" entre os pilotos, disse .

No entanto, o vínculo com a variante ômicron é especulativo, já que a Lufthansa disse não está a par do tipo de doença contraída pelos pilotos.

Na última quarta-feira (22), a escandinava SAS informou que uma quantidade maior do que o normal de funcionários doentes, devido à Covid-19, e as recomendações sanitárias associadas contribuíram para a recente onda de cancelamentos de voos da companhia.

Ao observar uma desaceleração das reservas, a Ryanair -maior companhia aérea europeia em relação a número de passageiros- alertou na quarta (22) à noite que seus prejuízos anuais seriam, provavelmente, o dobro do previsto, em função da nova variante.

A ACI Europa (Associação de Aeroportos Europeus), citando dados preliminares, calculou que o tráfego de passageiros diminuiu 20% nas instalações desde de 24 de novembro, quando a OMS (Organização Mundial da Saúde) anunciou ter identificado a ômicron. Ao mesmo tempo, o índice de ocupação dos aviões caiu de 66% para 54%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos