Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.564,44
    +1.852,44 (+1,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.399,80
    +71,60 (+0,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,22
    -0,41 (-0,62%)
     
  • OURO

    1.783,60
    -0,70 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    56.636,71
    +1.662,02 (+3,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.452,58
    +47,28 (+3,36%)
     
  • S&P500

    4.167,59
    +2,93 (+0,07%)
     
  • DOW JONES

    34.230,34
    +97,31 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.039,30
    +116,13 (+1,68%)
     
  • HANG SENG

    28.417,98
    -139,16 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    29.285,57
    +472,94 (+1,64%)
     
  • NASDAQ

    13.513,00
    +22,00 (+0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4244
    -0,0025 (-0,04%)
     

Como usar o Google Alerts para monitorar temas do seu interesse

Guadalupe Carniel
·2 minuto de leitura

Somos bombardeados por informações diariamente. Mas, e se queremos saber mais sobre um determinado assunto e se manter a par dele sem ter que ficar pesquisando? O Google Alerta é um serviço gratuito que faz uma espécie de varredura e traz a pesquisa para você, enviando por e-mail notícias, posts, artigos, enfim, o que há no buscador relacionado a tópicos e temas que você cria alertas e que são indexadas no buscador.

Além disso, ele também serve para criadores de conteúdo saberem sobre o que já foi publicado sobre o assunto e encontrar novas oportunidades de assuntos sobre um tema específico. Conheça mais e veja como criar alertas na plataforma.

Como criar alertas para temas e assuntos no Google

Passo 1: acesse o Google Alertas e digite na barra de pesquisa da página o assunto que deseja acompanhar. Prontamente, o Google Alerts mostrará uma pré-visualização dos últimos resultados que foram indexados pelo Google para a sua pesquisa.

Acesse o Google Alertas (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)
Acesse o Google Alertas (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)

Passo 2: clique em “Mostrar opções” e defina a frequência de alertas que deseja receber.

Defina os filtros para a sua pesquisa (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)
Defina os filtros para a sua pesquisa (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)

Passo 3: escolha a fonte de origem dos alertas que serão enviados para você, como blogs, notícias, web, vídeos, livros discussões e finanças.

Selecione qual será o tipo de origem dos resultados para ot ema pesquisado (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)
Selecione qual será o tipo de origem dos resultados para ot ema pesquisado (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)

Passo 4: eleja também a região, idioma e, em “Quantos”, se serão exibidos todos os resultados ou somente os melhores.

Escolha qual tipo de resultado deseja obter(Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)
Escolha qual tipo de resultado deseja obter(Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)

Passo 5: por último, defina se será enviado para o seu e-mail ou para o feed RSS.

Selecione como você receberá os alertas do Google (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)
Selecione como você receberá os alertas do Google (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)

Passo 6: é possível editar ou excluir o tópico. Para isso, basta acessar a página inicial do Google Alertas e clicar no lápis (para editar) ou apagar (selecionando a lixeira). Também é possível excluir o alerta, clicando em “Cancelar Inscrição” na parte inferior do seu e-mail cadastrado no serviço.

Edite seus tópicos (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)
Edite seus tópicos (Imagem: Guadalupe Carniel/Captura de tela)

Agora você já sabe como criar alertas para monitorar e receber os assuntos relacionados a temas ou tópicos do Google Alerta.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: