Mercado abrirá em 8 h 53 min
  • BOVESPA

    108.714,55
    +2.418,37 (+2,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.833,80
    -55,86 (-0,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,96
    +0,20 (+0,24%)
     
  • OURO

    1.806,30
    -0,50 (-0,03%)
     
  • BTC-USD

    62.675,23
    +558,34 (+0,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.508,31
    +1.265,63 (+521,52%)
     
  • S&P500

    4.566,48
    +21,58 (+0,47%)
     
  • DOW JONES

    35.741,15
    +64,13 (+0,18%)
     
  • FTSE

    7.222,82
    +18,27 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    26.087,69
    -44,34 (-0,17%)
     
  • NIKKEI

    29.100,57
    +500,16 (+1,75%)
     
  • NASDAQ

    15.573,50
    +77,75 (+0,50%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4294
    -0,0069 (-0,11%)
     

Como preparar o PC para receber o Windows 11

·3 minuto de leitura

Faltando pouco tempo para o lançamento do Windows 11 — que será na próxima terça-feira, 5 de outubro —, muitos provavelmente já gostariam de começar os preparativos para a chegada do novo sistema operacional (SO) da Microsoft.

A atualização será gratuita e liberada gradualmente para os usuários, mas, antes disso, é importante fazer alguns ajustes para que o processo possa ser feito com tranquilidade. Além de verificar a compatibilidade do PC, é importante fazer um backup dos seus arquivos importantes para evitar qualquer perda.

Se você está ansioso pela chegada do Windows 11, não se preocupe. O Canaltech preparou para você um checklist com cinco itens para preparar o seu PC para a migração; confira abaixo quais são!

Como preparar o PC para receber o Windows 11

1. Verifique a compatibilidade com o Windows 11

Antes de começar a fazer os preparativos para a mudança, é necessário verificar se o seu PC é compatível com os requisitos mínimos do SO, como ter 4 GB de RAM, 64 GB de espaço disponível, processador com mais de dois núcleos, entre outros itens.

Por sorte, a Microsoft disponibiliza uma ferramenta chamada “Windows PC Health Check”, que permite verificar automaticamente todos os requisitos necessários. Basta apenas baixá-la através deste link, instalá-la e clicar em “Verificar agora”. Desta maneira, o app irá informar se sua máquina é compatível ou não.

Use a plataforma da Microsoft para saber se você receberá o Windows 11 ou não (Captura de tela: Matheus Bigogno)
Use a plataforma da Microsoft para saber se você receberá o Windows 11 ou não (Captura de tela: Matheus Bigogno)

Caso não seja compatível, é possível verificar os motivos. Independente disso, você continuará recebendo as atualizações no Windows 10 normalmente até que ele seja descontinuado. Para mais informações sobre os requisitos do Windows 11, confira abaixo:

2. Configure sua conta da Microsoft no Windows

Através da sua conta da Microsoft, é possível transferir arquivos e favoritos do Windows 10 e de outros serviços da empresa, como Office, OneDrive e Edge para o Windows 11. Assim que você atualizar o PC e efetuar o login com a conta, todos esses dados não serão perdidos.

Caso não possua uma, cadastre-se gratuitamente e crie um endereço de e-mail e efetue o login no Windows. Além disso, você terá à disposição 5 GB de armazenamento no OneDrive e 15 GB para armazenamento de emails.

3. Faça backup dos seus arquivos

É comum que, em atualizações de sistema, os arquivos e dados sejam mantidos. No entanto, não são raras as vezes em que algo pode ser perdido ou corrompido durante o processo. Por isso, para grandes atualizações como essa, é importante fazer um backup dos itens mais importantes, ou de todo o conteúdo.

Para armazenar os itens mais importantes, use um pen drive ou um HD externo e faça o processo manualmente. Mas, se você quiser fazer o backup de tudo, acesse a aba de “Configurações”, clique em “Atualização e Segurança”, acesse “Backup” no menu esquerdo e escolha uma unidade.

Faça o backup dos seus arquivos e dados salvos no Windows 10 (Captura de tela: Matheus Bigogno)
Faça o backup dos seus arquivos e dados salvos no Windows 10 (Captura de tela: Matheus Bigogno)

4. Evite usar o Wi-Fi para realizar a atualização

Tratando-se de uma grande atualização, é muito importante evitar que uma conexão lenta interrompa ou comprometa o processo. Por isso, caso seja possível, opte por realizar a migração usando uma conexão cabeada. E o mesmo vale para uma fonte. Use uma fonte confiável e evite atualizar o PC em horários que são mais suscetíveis a picos de energia, pois isso também poderá comprometer o andamento.

5. Conheça um pouco mais as funções do Windows 11

Antes de iniciar a atualização, saiba que muitas coisas vão mudar no Windows 11 em relação ao 10. A principal delas é o visual, mas também é interessante ressaltar que haverá um novo painel de widgets, suporte a apps do Android, uma melhor experiência para quem joga no PC, um melhor gerenciamento de janelas e muito mais.

O Windows 11 recebeu um novo visual e novos recursos (Imagem: Reprodução/Microsoft)
O Windows 11 recebeu um novo visual e novos recursos (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Se você quer saber mais sobre tudo o que está por vir, confira abaixo mais informações:

A partir desse momento, você pode usar esse checklist para se preparar melhor para a chegada do Windows 11.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos