Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.232,74
    +1.308,56 (+1,22%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.563,98
    +984,08 (+1,98%)
     
  • PETROLEO CRU

    114,15
    -0,05 (-0,04%)
     
  • OURO

    1.825,00
    +11,00 (+0,61%)
     
  • BTC-USD

    30.065,87
    -989,96 (-3,19%)
     
  • CMC Crypto 200

    673,38
    +430,70 (+177,48%)
     
  • S&P500

    4.008,01
    -15,88 (-0,39%)
     
  • DOW JONES

    32.223,42
    +26,76 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.464,80
    +46,65 (+0,63%)
     
  • HANG SENG

    19.950,21
    +51,44 (+0,26%)
     
  • NIKKEI

    26.613,79
    +66,74 (+0,25%)
     
  • NASDAQ

    12.285,50
    +40,75 (+0,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2686
    -0,0119 (-0,23%)
     

Como o piloto automático da Tesla reage em situações extremas? Vídeo mostra

·1 min de leitura

O Autopilot, famoso piloto automático que equipa os carros da Tesla, e o sistema Full Self-Driving (FSD) têm histórias bastante conhecidas e curiosas. Mas você já viu como eles reagem quando se envolvem em acidentes?

O canal de YouTube Wham Baam Teslacam pensou nisso e reuniu em um vídeo 15 flagras de como o piloto automático da Tesla reagiu em diferentes cenários no trânsito. E o resultado foi surpreendente.

De acordo com a descrição do material, o piloto automático e o sistema Full Self-Driving foram colocados à prova diante de “maus motoristas”, “idiotas no trânsito” e “situações insanas”.

Acidentes investigados

Apesar de terem a capacidade de dar aos carros da montadora de Elon Musk a autonomia para ler placas de trânsito, reconhecer obstáculos, manter o carro dentro da faixa de rolagem e avisar de colisões laterais ou frontais, os sistemas têm falhas.

São vários os relatos de acidentes envolvendo o piloto automático da Tesla que ganharam repercussão, tanto que a montadora está sendo investigada pelos órgãos competentes dos Estados Unidos.

A NHTSA (Administração Nacional de Segurança Rodoviária), órgão responsável pela segurança rodoviária nos Estados Unidos, avisou que todos os Tesla fabricados entre 2014 e 2021 que estão equipados com o AutoPilot serão investigados. Segundo a entidade, foram registrados 11 acidentes desde 2018, com 17 feridos e um óbito.

No caso do compilado de acidentes reunido em vídeo, no entanto, o Tesla Autopilot parece mais uma vítima dos maus motoristas do que, efetivamente, de defeitos que o sistema possa ter apresentado, não é?

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos