Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.410,60
    +1.137,59 (+1,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.482,59
    -38,84 (-0,07%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,95
    +1,05 (+1,35%)
     
  • OURO

    1.945,70
    +6,50 (+0,34%)
     
  • BTC-USD

    23.172,89
    +425,71 (+1,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    526,60
    +7,80 (+1,50%)
     
  • S&P500

    4.057,58
    +39,81 (+0,99%)
     
  • DOW JONES

    33.943,42
    +226,33 (+0,67%)
     
  • FTSE

    7.771,70
    -13,17 (-0,17%)
     
  • HANG SENG

    21.842,33
    -227,40 (-1,03%)
     
  • NIKKEI

    27.327,11
    -106,29 (-0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.101,00
    +133,00 (+1,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5198
    -0,0272 (-0,49%)
     

Como investir na bolsa de valores e ações em 4 passos

Como investir na bolsa de valores e ações em 4 passos
Você sabe o que significa investir na bolsa de valores? Ou o que são ações e como alguém ganha dinheiro com elas?

Você sabe o que significa investir na bolsa de valores? Ou o que são ações e como alguém ganha dinheiro com elas? Não é um tema simples, mas para quem está querendo investir pela primeira vez é possível aprender o suficiente para começar.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

O que é investir em ações

Quando você compra as menores partes de uma empresa de capital aberto, está investindo em ações. Quem é dono de uma ação passa a ser um pequeno sócio dessa empresa - e dependendo do tipo de ação, é possível até votar em suas decisões.

As ações são negociadas nas Bolsas de Valores. No Brasil, a compra e venda de ações acontece na B3, resultado da união entre BM&F Bovespa e Cetip. Quem investe em ações coloca o seu capital pendente dos mesmos riscos que a empresa, e vai ganhar ou perder dinheiro acompanhando o desempenho dela na Bolsa de Valores.

Leia também

Como investir em ações na bolsa de valores

Há uma série de maneiras, algumas tão fáceis como acessar um aplicativo. Veja um possível passo a passo para não se atrapalhar.

  1. A primeira coisa a se fazer é a mesma para todas as modalidades de investimentos financeiros: descobrir que tipo de investidor você é. Ser conservador, moderado ou agressivo na hora de investir vai influenciar diretamente no tipo de ações e negociações que você deve comprar e fazer.

  2. As negociações da bolsa de valores são feitas por meio das corretoras habilitadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Para começar a comprar e vender ações, portanto, é necessário fazer um cadastro em alguma corretora.

  3. São, geralmente, duas formas de negociação oferecidas pelas corretoras para os investidores: home broker, um sistema eletrônico em que o próprio investidor cadastra suas ordens de compra e venda, podendo operar diretamente e com taxa de corretagem (cobrada cada vez que é emitida uma ordem de compra ou venda) fixa; e mesa de operações, em que o investidor solicita por e-mail, telefone, mensagens, etc. a um operador da corretora suas ordens de compra e venda de ações.

  4. Escolher as ações em que você vai investir é um passo importante. Leia muito, analise o mercado e faça por conta própria baseado na carteira de investimentos que você quer montar (e no seu tipo de investidor). Ou procure analistas especializados no mercado de ações e siga suas recomendações.

Quanto investir em ações?

A máxima do mercado é que não há valor mínimo para se investir em ações. Depende da sua corretora e do preço das ações que serão compradas. É possível começar a investir em ações com valores relativamente baixos: pensando que a maioria das ações são negociadas em lotes de 100, para comprar um lote de uma ação que custe R$ 12, por exemplo, seria preciso aplicar R$ 1.200. Também é possível adquirir quantidades menores de ações no mercado fracionário, onde elas são individualmente, e não em lotes.

De todas maneiras, lembre-se que se trata de um investimento de renda variável, então sua rentabilidade vai variar de acordo com o mercado, podendo dar lucro ou prejuízo. O retorno vem quando se compra uma ação por um preço baixo e se vende por mais, ou ganhando dividendos e distribuição de lucros como sócio. Então atenção, para ter grandes ganhos é preciso estar ciente dos riscos, conhecer o mercado e ter uma quantia razoável de dinheiro disponível.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube