Mercado fechado

Como a IA pode ajudar a garantir uma melhor experiência de imagem

Colaborador externo

Por Pedro Valery*

Desde a invenção da televisão no começo do século passado, e então sua explosão de popularidade a partir do advento da imagem em cores nos anos 1950 e 1960, os aparelhos televisores em nossas casas têm se tornado cada vez mais modernos, e cada vez mais tecnologias têm sido incorporadas para melhorar a experiência do espectador. Começando pelo surgimento da TV em cores, passando pelo advento do plasma no lugar dos modelos de tubo, até chegar na atual geração de televisores LCD, o impulso por mais uma inovação nunca parou, chegando a última e mais avançada tecnologia para TVs, a tecnologia OLED.

Além da evolução na qualidade de imagem, que hoje chega a um novo ápice com telas NanoCell, OLED e tecnologia 8K, outro ponto cada vez mais em voga na nova geração de televisores é uso da Inteligência Artificial, e como isso aperfeiçoa a experiência do usuário de tantas maneiras diferentes. TVs com inteligência artificial, ou AI na sigla em inglês, tem se tornado cada vez mais frequentes no mercado, mas o modo como essa nova característica é empregada em cada geração e modelo de televisores é o que faz toda a diferença quando nos sentamos para assistir nossos programas favoritos.

Quando pensamos em AI, podemos falar de coisas tão simples em uma Smart TV quanto reproduzir vídeos e filmes a partir de aplicativos, ou conexão com a internet que permite uma atualização constante de informações como clima, trânsito, resultados esportivos, por exemplo. Outro tipo de pesquisa é possível por meio do comando de voz do controle remoto do televisor, essa pesquisa por ser ampliada com outros produtos inteligentes na casa, promovendo uma otimização na reprodução de imagens, sons e ações tornando a experiência de assistir televisão muito mais imersiva.

Um processador é parte fundamental nessa tarefa, com sua capacidade de aprendizado fazendo com que uma Smart TV seja de fato “smart”. Considerados o cérebro de um aparelho de ponta, processadores como o Alpha 7 Gen II ou o Alpha 9 Gen II, presentes em linhas premium como as LG OLED TV e LG NanoCell TV, são responsáveis por otimizar o funcionamento da televisão, adaptando sinais e reprodução de conteúdos para o melhor modo possível. A esse aprendizado realizado pelo processador damos o nome de Deep Learning.

É assim, com o Deep Learning, que funcionam recursos de Inteligência Artificial responsáveis por melhorar a reprodução de imagens e áudios na sua televisão. Alguns desses recursos são o AI Picture e o AI Brightness. Enquanto o primeiro é encarregado de reconhecer a qualidade do conteúdo e fonte do sinal e assim otimizar ruído, detalhes e nitidez das imagens reproduzidas. O segundo funciona a partir de um sensor na TV, que detecta a luz do ambiente e otimiza automaticamente o brilho na imagem, com o processador garantindo a maior precisão de detalhes, seja qual for a iluminação do ambiente.

Quando falamos de melhorar a reprodução de som, a Inteligência Artificial também se faz presente ao balancear e adequar a reprodução de áudio ao ambiente. Com o AI Sound, o Deep Learning analisa a fonte de áudio para otimizar o som conforme o tipo de conteúdo, além de converter os sons de 2.0 canais para virtual surround sound de 5.1 canais. Somado a isso, recursos como AI Acoustic Tuning calibra o som da sua TV, obtendo a melhor calibração sonora independente de qual for a sua posição preferida no local.

O futuro é tornar a experiência de assistir televisão cada vez mais 360°. Tornando tudo o mais imersivo possível. E esse caminho passa tanto por uma melhora natural na imagem, com a evolução cada vez mais próxima para a tecnologia 8K, quanto com painéis OLED mais sofisticados que apresentam um contraste infinito, cores mais realistas e um Preto Puro, até detalhes de “segundo plano”, que passam despercebidos num primeiro momento, como o uso cada vez maior da já presente Inteligência Artificial, que vai ajudar você a escolher a melhor calibração para a sua TV, mesmo não sendo especialista no assusto.

*Pedro Valery é responsável por produtos televisores na LG Electronics do Brasil

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: