Mercado abrirá em 6 h 8 min

Como formatar e proteger o celular contra vírus e apps maliciosos

Como formatar e proteger o celular contra vírus e apps maliciosos
Como formatar e proteger o celular contra vírus e apps maliciosos

Depois de algum tempo de uso, o celular pode começar a dar sinais de cansaço ou de fadiga. O problema pode ser apenas pelo período prolongado de uso mesmo ou, então, por algum vírus que chegou no aparelho e está atrapalhando a sua vida.

Neste tutorial eu vou te ensinar como lidar com essa situação de vírus e tirar o mito de que formatar o celular é algo trabalhoso, penoso ou doloroso.

Leia também:

Siga os passos no vídeo

Você precisa de um backup

Convenhamos que o celular não é somente uma caixinha feita para realizar ligações entre duas ou mais pessoas. Existe muita coisa importante guardada lá, desde uma música com apelo sentimental, a foto mais memorável das férias de anos atrás, um documento assinado, ou mesmo um aplicativo de conversas como o WhatsApp e que tem muita coisa guardada no histórico.

Você precisa manter um backup de todo este material. Começando pela parte mais fácil, basta instalar o Google Fotos, abrir o app pela primeira vez (em muitos smartphones ele já vem instalado de fábrica) e entrar com sua conta – a mesma utilizada para baixar apps no Android. Por lá existem duas opções de backup: Qualidade Original e Economia de armazenamento.

Google Fotos na Play Store (Imagem: reprodução)
Google Fotos na Play Store (Imagem: reprodução)

A primeira opção não altera nada da foto ou vídeo e envia tudo para a nuvem, enquanto a segunda reduz qualquer resolução superior para 16 megapixels, os vídeos ficam sempre em Full HD (1080p) e tudo isso com compressão do Google, que é bom o suficiente para literalmente qualquer situação. Eu escolho essa, até para poder enviar mais das minhas fotos para a nuvem.

Basta escolher seu formato predileto que o Google Fotos faz todo o restante sozinho, você nem precisa manter o app aberto. Depois, é importante salvar documentos e músicas que você tem na memória. A opção mais prática é abrir o Google Drive (também vem instalado em quase todos os celulares) e tocar no “+”, para selecionar os arquivos que você quer enviar para backup.

Vale lembrar que o Google tem espaço limitado para o plano gratuito, então pode ser necessário pagar para aumentar a quantidade de espaço para armazenar fotos, vídeos, documentos e músicas nos servidores de backup. Como cada caso é um caso diferente, por aqui eu preciso atualmente de 7 GB para tudo – e o Google me dá mais, então tá tudo bem.

Se a música for popular (ou seja: não for uma composição e criação sua), certamente ela está em algum serviço de streaming. Eu recomendo ter assinatura de um Spotify, Deezer, Tidal, Apple Music, Amazon Music ou YouTube Music da vida, até por liberar este espaço de canções da nuvem.

WhatsApp no Android (Imagem: André Fogaça/Olhar Digital)
WhatsApp no Android (Imagem: André Fogaça/Olhar Digital)

No WhatsApp, por padrão o app já faz backup de tempos em tempos e ele envolve todas as conversas, contatos, arquivos, fotos, vídeos e pagamentos realizados pela plataforma. Se tiver alguma dúvida, basta tocar em Configurações, depois em Conversas e então em Backup de conversas. Nesta tela você encontra quando o último envio de dados foi feito e é possível fazer um novo, de forma manual. É importante fazer neste momento, já que vamos formatar o aparelho.

Depois destes passos para enviar arquivos para a nuvem, basta formatar o celular. Cada fabricante cria um caminho para este objetivo, mas ele sempre aparece como “definições de fábrica” nos menus de ajustes, ou então “restaurar padrões de fábrica”. A maioria dos smartphones lançados nos últimos anos entrega busca dentro das configurações e ela fica no topo da primeira página, então, basta colocar um dos dois termos neste campo e seguir as instruções da tela.

Hora de voltar o backup…ou não

Depois de terminado o processo de formatação, que pode levar alguns minutos, basta voltar tudo para seu lugar – agora sem vírus. Nativamente o Android e o iOS fazem backups dos apps, então ao entrar com a conta do Google ou da Apple mais uma vez, os programas voltam exatamente para o mesmo lugar de antes – tudo automático.

Abra o Google Fotos e toda sua biblioteca estará lá. Você pode baixar tudo novamente, ou então deixar lá na nuvem e assim ganhar um espaço extra na memória do aparelho. Eu deixo tudo nos servidores do Google, por conta da catalogação automática feita pelo serviço. Nela você consegue buscar até por itens dentro da imagem, como um texto escrito, uma pessoa específica ou até um cachorro da cor que você colocar na caixa de pesquisa. Tudo isso de graça.

Nova entrada no WhatsApp (Imagem: reprodução)
Nova entrada no WhatsApp (Imagem: reprodução)

As músicas podem continuar na nuvem ou no streaming, enquanto arquivos também podem ser acessados pelo Drive. Por aqui você pode baixar tudo novamente, mas continuo com minha dica: deixe na nuvem. Seja pela praticidade de acessar em qualquer dispositivo além de seu celular, seja pela garantia do backup em dia para que uma formatação futura seja ainda mais veloz, já que você não vai precisar esperar o envio de tudo para os servidores – vão apenas os arquivos novos, não eles e os antigos.

No WhatsApp o processo de retomada das conversas é o mais fácil de todos. Basta abrir o app novamente, entrar com sua conta e o próprio serviço de mensagens diz que encontrou um backup feito recentemente. Escolha a opção para restaurar os dados e pronto, tudo aparece exatamente como estava antes da formatação.

Proteção para evitar vírus

Agora que seu celular está livre dos vírus e rápido mais uma vez, deixo duas dicas. A primeira envolve o cuidado de sempre, para evitar o download de todo tipo de programa fora da Play Store no Android – no iPhone é impossível baixar apps fora da App Store, então tudo bem.

OD Segurança com Kaspersky (Imagem: reprodução)
OD Segurança com Kaspersky (Imagem: reprodução)

A segunda dica é aproveitar um antivírus competente e nós podemos ajudar neste ponto. O OD Segurança é um plano com preço camarada que entrega uma das soluções de segurança mais conhecidas na internet: o Kaspersky.

Por valores que começam em apenas R$ 3,90 por mês, você ganha acesso para toda plataforma de segurança da Kaspersky e garante a limpeza do celular ou do computador que pode ser um PC, Mac, Android, iPhone ou iPad. No Android um bloqueio extra ajuda na hora de evitar downloads de apps maliciosos – de onde geralmente chegam os vírus.

Para conhecer mais sobre o OD Segurança, clique aqui.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!