Mercado abrirá em 4 h 52 min

Como evitar spoilers de Star Wars: A Ascensão Skywalker na web

Rafael Rodrigues da Silva

Para aqueles que não gostam de spoilers, esta é uma semana complicada. Com a estreia de Star Wars: A Ascensão Skywalker na quinta-feira (19) e The Witcher na sexta-feira (20), a navegação pelas redes sociais deixa de ser algo relaxante para se tornar um verdadeiro teste de nervos.

Mas não se preocupe, jovem padawan: é possível, sim, se proteger de spoilers. Ultimamente, as próprias redes sociais já possuem ferramentas embutidas para ajudar seus usuários e não ter surpresas desagradáveis com essa prática, tornando possível uma navegação segura nesses tempos de penúria.

Evitar spoilers de Star Wars no Twitter

Pelo caráter imediatista de um tuíte, o Twitter se torna a rede social mais fácil de se tomar spoilers, já que as pessoas costumam tuitar em tempo real as coisas que estão assistindo. Na ânsia de compartilhar com o mundo a emoção de estar assistindo àquele filme ou episódio de série muitas pessoas acabam dando spoilers acidentais. Por isso, a rede social criou algumas ferramentas que podem ajudar seus usuários evitarem spoilers.

Uma das primeiras coisas que você pode fazer no Twitter é desabilitar a reprodução automática de vídeos e imagens, impedindo-os de serem executados automaticamente mesmo quando você estiver apenas rolando o feed.

Para isso, é necessário acessar o menu de “Configurações & privacidade” clicando sobre a sua foto de perfil no canto superior esquerdo do app para dispositivos móveis ou na opção “Segurança & privacidade" no Twitter web, que você acessa ao clicar na opção “Mais” no menu à esquerda. Dentro desse menu, será necessário clicar na opção “uso de dados” e então você terá acesso à opção de desligar a reprodução automática de vídeos. Aí, é só escolher a opção “nunca” que os vídeos não serão mais reproduzidos automaticamente.

No browser, você pode acessar a opção de reprodução automática de vídeos no menu "Uso de dados" (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech) 

No mesmo menu em que você está, logo acima de onde você desligou a reprodução automática de vídeos, há uma opção chamada “Imagens de alta qualidade”. É só clicar nela e escolher a opção “Nunca” para evitar o carregamento automático de imagens durante a navegação. Infelizmente, essa é uma opção exclusiva do app e não existe em nenhum dos menus da versão para browser do Twitter, então não há como evitar o carregamento de imagens de forma automática se você usa o Twitter pelo navegador.

No aplicatívo móvel, a reprodução automática de vídeos e de fotos pode ser configurada na mesmo menu (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Outra forma de evitar spoilers no Twitter é usando a opção “Silenciar” da rede social. Essa opção permite que você silencie — ou seja, tire de sua linha do tempo — algum usuário específico ou qualquer tweet que utilize uma palavra-chave configurada. Uma das opções mais recomendadas é silenciar logo de cara aquele seu amigo que fica tuitando durante o filme/série e sempre solta spoilers inconvenientes. Para isso, é só achar um tweet do usuário que você quer silenciar, clicar na setinha pra baixo que fica no canto esquerdo do tweet, e escolher a opção “silenciar @”.

Ao silenciar um usuário, você não verá mais nenhum publicação dele em sua timeline (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Além de silenciar um usuário em específico, o Twitter também permite silenciar palavras relacionadas a algum assunto. Para configurar as palavras que serão silenciadas, é necessário acessar o Twitter pelo navegador (o aplicativo não permite cadastrar essas palavras) e, dentro do menu configurações, escolher a opção “Preferências de conteúdo”, dentro dela escolher a opção “Silenciado” e, então, a opção “Palavras silenciadas”, e clicar no botão “+” que fica no lado superior direito do menu, logo depois do nome da seção.

Ao clicar em adicionar, você será levado a uma tela onde poderá inserir qualquer palavra, definir se serão silenciadas apenas pessoas que você não segue ou qualquer pessoa. Para fugir de spoilers, recomendamos a opção “De qualquer pessoa”. Também é possível definir por quanto tempo você quer que aquela palavra seja silenciada (se você não sabe quando conseguirá ver o novo Star Wars ou a primeira temporada de The Witcher, recomendamos que escolha “para sempre”). Aí, é só adicionar as palavras que você quer silenciar, ou seja, todo e qualquer tweet que contiver uma das palavras ou hashtags adicionadas não irá aparecer na sua linha do tempo.

Por isso, é necessário não apenas definir as palavras principais (como “Star Wars”, “Ascensão Skywalker” ou “Witcher”) para fugir de spoilers, mas também definir algumas palavras que podem ter relação a esses conteúdos (como “Luke”, “Kylo”, “sabre de luz” ou “Força”) se você quiser realmente fugir dos spoilers.

Lista de possíveis palavras para silenciar spoilers de Star Wars (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Evitar spoilers navegando na web

Infelizmente (ou, felizmente) a internet não se resume ao Twitter e não existem ferramentas similares de silenciamento nas outras redes sociais ou mesmo no feed do Google. Então, para termos uma navegação realmente segura contra spoilers, é necessário usar uma extensão bloquear esses conteúdos.

Provavelmente a melhor dessas extensões seja o Spoiler Protection 2.0, disponível tanto para Chrome e Firefox nas versões para computador e também no Firefox para Android em dispositivos móveis. A extensão funciona de maneira bem parecida com o silenciamento de palavras do Twitter: você configura quais são as palavras que quer que ela bloqueie e, caso alguma dessas palavras apareça durante a navegação, o potencial spoiler é bloqueado por um enorme quadrado vermelho que impede a visualização do conteúdo.

A extensão é bem completa e permite não apenas configurar quais os temas e palavras que serão bloqueados, mas também onde esse conteúdo será bloqueado (por exemplo, é possível configurar para bloquear potenciais spoilers no Reddit e no YouTube, mas não esconder nenhuma publicação no Facebook) ou ainda fazer uma “white list” de sites que, mesmo que utilizem algum dos termos bloqueados, não serão “censurados” pela extensão (como por exemplo, o Canaltech, um site que nunca será seduzido pelo Lado Negro da Força).

Na aba "Spoiler keywords", é possível definir quais palavras serão bloqueados pela extensão (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)
Na aba "Categories", é possível definir sites que não serão bloqueados pela extensão, como por exemplo o Canaltech (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)
Na aba "Spoiler Context", é possível definir em quais sites a extensão irá bloquear os conteúdos programados (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)
Ao encontrar uma publicação que utilize algum dos termos bloqueados, o Spoiler Protection 2.0 esconde esse conteúdo com uma faixa vermelha, que também indica por causa de qual termo aquele conteúdo foi bloqueado (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Mas, para aqueles que acabam se atrapalhando com tantas opções e menus, existem outras extensões bloqueadoras bem mais simples e fáceis de usar. Uma delas é o Unspoiler: você apenas digita qual filme ou programa de TV que deseja que a extensão bloqueie e ela automaticamente faz uma lista de possíveis palavras-chave sobre aquele assunto que deverão ser bloqueadas. Caso durante a navegação alguma dessas palavras-chave apareça, ela será substituída por uma fina faixa vermelha avisando que aquele conteúdo é um spoiler sobre algum dos temas que você configurou, e um botão de “revelação” para o caso de você querer ver aquele conteúdo por sua conta e risco.

O Unspoiler substitui o conteúdo do potencial spoiler por uma fiaxa vermelha que alerta sobre ele, além de um botão que permite visualizar o possível spoiler por sua conta e risco (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech)

Ainda que o spoiler seja uma das maiores pragas do século XXI, é possível usar várias ferramentas para evitar esse tipo de tragédia. Assim como a camisinha, essas ferramentas não são garantia de que você não irá tomar spoiler, mas se usadas corretamente diminuem a chance de isso acontecer em 99% dos casos, tornando bem improvável qualquer surpresa negativa que vá atrapalhar a diversão — seja agora ou daqui a nove meses.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: