Mercado fechará em 1 h 49 min

Como economizar dados móveis no celular | 13 truques práticos

Saber como economizar dados móveis no celular é importante não apenas para garantir que você tenha internet suficiente até o fim do mês. É, também, uma forma para você organizar melhor sua franquia de dados, seja ela no pré ou pós-pago.

Além de recursos nativos no Android e iPhone (iOS), alguns truques adicionais fazem toda a diferença na hora de gerenciar o consumo de dados no celular. Conheça, a seguir, 13 dicas para economizar dados móveis no seu smartphone.

1. Use Wi-Fi sempre que possível

Não é difícil encontrar redes Wi-Fi para onde você for: elas estão em praças, shoppings, restaurantes, hospitais e até dentro de alguns ônibus. Embora não seja recomendado acessar conexões públicas ou desprotegidas (sem senha), optar por redes sem fio é o ideal, já que sua franquia de dados móveis fica intacta enquanto você estiver conectado ao Wi-Fi.

Se o sinal wireless estiver fraco, também vale destacar dicas para melhorar o sinal de internet Wi-Fi na sua casa. Assim, você sempre garante uma conexão mais rápida e estável.

2. Desative os dados móveis quando não estiver usando

Mesmo conectado a uma rede Wi-Fi, pode acontecer de o sinal ficar fraco ou cair sem que o seu celular avise. A questão é que, por padrão, muitos aparelhos ativam o uso de dados móveis caso não consigam se conectar ao Wi-Fi. Daí, o sistema vai consumindo dados sem você perceber.

Tanto o Android quanto o iPhone permitem desativar o uso da sua franquia para economizar dados móveis no celular. É só abrir o acesso rápido ao painel de controle (arrastando a tela de cima para baixo) e desabilitar o recurso.

Desative o uso de dados móveis para economizar franquia no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)
Desative o uso de dados móveis para economizar franquia no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)

3. Habilite as opções de economia no Android e iPhone

Outra função nativa dos sistemas operacionais de celular é o modo de economia de dados. Ao ativar a opção, o Android e iOS configuram algumas funcionalidades para dispensar o uso de dados no smartphone. Isso inclui não usar dados para atualizar aplicativos em segundo plano, bloquear notificações de apps que não estão em uso, entre outras.

No Android, o “Protetor de dados” fica dentro das configurações do sistema, na opção “Conexão”, depois “Dados móveis” e, por fim, ativar “Protetor de dados”. Já no iPhone, você entra no aplicativo “Ajustes”, depois “Celular”, “Opções de Dados Celulares” e por último marque a chave “Modo de Economia de Dados”.

iPhone e Android possuem recursos para economizar dados móveis no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)
iPhone e Android possuem recursos para economizar dados móveis no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)

4. Baixe ou atualize apps sempre no Wi-Fi

Por falar em atualizar aplicativos, dê preferência em sempre fazer novos updates quando o celular estiver conectado em uma rede Wi-Fi. Geralmente, o download vale não somente para a atualização, mas também baixa o aplicativo inteiro de novo no seu smartphone.

É possível desativar as atualizações automáticas de apps no Android e iPhone.

5. Evite usar apps que consomem muitos dados

Alguns aplicativos costumam ser os grandes vilões no consumo de dados móveis no celular, principalmente se você tem o hábito de deixá-los abertos rodando em segundo plano. E olha que não é só nos dados que esses apps interferem: alguns programas são tão pesados que interferem também na bateria e no desempenho do aparelho.

Felizmente, Android e iOS possuem uma seção que lista os aplicativos que mais consomem dados móveis. Os que estiverem no topo da página são aqueles que, preferencialmente, devem ser evitados para economizar dados móveis no celular.

Lista no iPhone e Android mostra quais apps mais consomem dados móveis (Captura de tela: Caio Carvalho)
Lista no iPhone e Android mostra quais apps mais consomem dados móveis (Captura de tela: Caio Carvalho)

6. Use apps para economizar dados

Além do aplicativo oficial da sua operadora, você pode recorrer a aplicativos na Google Play Store ou App Store para ajudar a economizar dados móveis no celular. Um exemplo é o My Data Manager (Android | iPhone), que é gratuito, tem versão em português e mostra o quanto você já consumiu da sua internet. O app ainda envia uma notificação quando sua franquia estiver para acabar.

My Data Manager é aplicativo gratuito para monitorar uso de dados no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)
My Data Manager é aplicativo gratuito para monitorar uso de dados no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)

7. Use apps de GPS apenas offline

É verdade que serviços de GPS facilitam bastante no dia a dia, especialmente se você precisa se locomover para uma região desconhecida da cidade. Só que aplicativos de geolocalização consomem quantidades imensas de dados móveis, comprometendo a economia da franquia.

Alguns apps, como é caso do Google Maps e do Waze, permitem baixar mapas inteiros no celular. Ou ainda, usar um modo offline que não afeta sua franquia de dados móveis.

Google Maps tem modo offline e opção para baixar mapas no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)
Google Maps tem modo offline e opção para baixar mapas no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)

8. Mande texto escrito em vez de áudio ou vídeo

Enviar um áudio pelas redes sociais é mais prático do que digitar um texto enorme, palavra por palavra. Entretanto, às vezes a gente nem percebe que mandar um áudio no WhatsApp, Instagram ou outras plataformas consome muito mais dados móveis do que se você for enviar o mesmo conteúdo em texto digitado.

A mesma situação se aplica a vídeos, já que, além do áudio, você recebe ou envia um arquivo mais pesado contendo imagens em movimento. Por essas razões, enquanto estiver conectado à sua franquia de dados móveis, prefira escrever texto em vez de mandar áudio e vídeo.

9. Use apps na versão “Lite"

Nem todos aplicativos são otimizados em todos os dispositivos ou versões de sistemas operacionais (Android e iOS). Foi pensando nisso que algumas empresas lançaram versões “Lite" de seus apps. Essas versões possuem as funções básicas da ferramenta original, porém são mais leves e consomem menos dados e bateria do celular.

Entre os serviços que disponibilizam uma versão Lite estão o Facebook, Instagram, Messenger e TikTok. Você pode fazer uma busca na Play Store ou App Store pela palavra “lite" e ver outros apps compatíveis.

<a class="link " href="https://canaltech.com.br/empresa/facebook/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:Facebook">Facebook</a>, <a class="link " href="https://canaltech.com.br/empresa/tiktok/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:TikTok">TikTok</a> e outros apps em versão Lite para economizar dados no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)
Facebook, TikTok e outros apps em versão Lite para economizar dados no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)

10. Desabilite a reprodução automática

Isso você certamente já viu: quando você abre o aplicativo de uma rede social e passa por um vídeo, o clipe se inicia sozinho sem você apertar o play. Muitas plataformas ativam essa opção por padrão, consumindo muitos dados móveis se você não estiver usando Wi-Fi.

A boa notícia é que praticamente todas as redes sociais mais populares — Instagram, Facebook, TikTok, Twitter, WhatsApp, Messenger — permitem desabilitar a reprodução automática de vídeos no celular. Ao desativar as configurações de cada app, você pode economizar dados móveis no celular.

Economize dados no celular ao desativar a reprodução automática de vídeos em apps de redes sociais (Captura de tela: Caio Carvalho)
Economize dados no celular ao desativar a reprodução automática de vídeos em apps de redes sociais (Captura de tela: Caio Carvalho)

11. Desative o download automático

Outra funcionalidade que pode prejudicar a economia de dados móveis no celular é o download automático de mídia. Também presente em aplicativos como WhatsApp, Telegram e muitos outros, o recurso faz com que fotos, vídeos, documentos e outros conteúdos sejam salvos automaticamente assim que você abre a conversa em que foram enviados.

Para desativar o download automático de mídia, acesse as configurações do app desejado.

WhatsApp e Telegram permitem bloquear download automático de mídia (Captura de tela: Caio Carvalho)
WhatsApp e Telegram permitem bloquear download automático de mídia (Captura de tela: Caio Carvalho)

12. Baixe conteúdos para assistir offline

Netflix, Prime Video, HBO Max, Disney+ e outras plataformas de streaming oferecem um recurso para você baixar filmes e séries no celular para assistir offline. Se você costuma ver bastante conteúdo em vídeo no smartphone, essa é uma recomendação fundamental para você economizar dados móveis no celular.

Mesmo optando por resoluções mais baixas, ver um filme ou série em serviços de streaming pode drenar rapidamente sua franquia de dados. Por isso, faça o download dos arquivos quando estiver conectado a uma rede Wi-Fi. Depois, mesmo que você desligue o uso de dados móveis, você poderá reproduzir o conteúdo no celular sem consumir dados do seu plano.

<a class="link " href="https://canaltech.com.br/empresa/netflix/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:Netflix">Netflix</a>, HBO Max e outros apps de streaming possuem opção para baixar episódios no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)
Netflix, HBO Max e outros apps de streaming possuem opção para baixar episódios no celular (Captura de tela: Caio Carvalho)

13. Adquira um plano com franquia extra

Se mesmo com todas as dicas acima você perceber que está no sufoco para economizar dados móveis no celular, a alternativa talvez seja reavaliar sua franquia de dados atual e, quem sabe, trocar para um plano com mais dados para você navegar.

Fique atento a todos os detalhes do plano, incluindo a franquia de dados, cobertura e se há algum período de carência para você permanecer no plano (seja ele pós-pago ou pré-pago).

Também vale aguardar por promoções específicas durante o ano todo, como no dia das mães, dia dos pais e natal. Nessas datas, as operadoras costumam fazer combos com grandes quantidades de dados por um preço mais em conta.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: