Como crescer na Twitch | 6 dicas para o seu canal

Não é simples crescer na Twitch: a plataforma de transmissões ao vivo é muito concorrida e seu canal precisa se destacar em meio a tantos outros. O caminho para a fama não acontece da noite para o dia, mas existem algumas dicas que ajudam para a sua popularidade.

Para alavancar seu canal, o Canaltech separou algumas recomendações simples, mas que ajudam a aumentar o número de espectadores. Confira a seguir!

Como crescer na Twitch

1. Use as estatísticas a seu favor

Após encerrar uma live, a Twitch exibe um painel completo com as estatísticas sobre a transmissão. Os dados incluem o pico de espectadores, tempo médio de visualização, comentários, inscrições e outras informações.

Acompanhe as estatísticas de transmissão para crescer na Twitch (Captura de tela: André Magalhães)
Acompanhe as estatísticas de transmissão para crescer na Twitch (Captura de tela: André Magalhães)

É muito importante usar essas estatísticas a seu favor para melhorar a transmissão e entender o comportamento de seus espectadores. No painel de controle do criador, verifique quais momentos conseguem a maior retenção do público e quais horários de live garantem maior engajamento, por exemplo. Essas informações podem trazer melhores resultados a longo prazo.

2. Faça lives com frequência

A regularidade também é importante na Twitch. Procure estabelecer um horário e uma frequência fixa para fazer as suas lives semanais. Mesmo sem abrir transmissões diariamente, é importante estabelecer essa rotina para facilitar o acesso dos seus espectadores e seguidores.

Além disso, as lives recorrentes também são uma etapa importante para ingressar no programa de afiliados da Twitch. Um dos requisitos da plataforma é realizar transmissões em pelo menos 7 dias diferentes durante um mês.

3. Encontre seu nicho

Um bom caminho para crescer na Twitch envolve encontrar o tema que mais chama a atenção de sua audiência. Por isso, evite tentar comentar sobre todos os assuntos e busque um nicho. Você pode abordar games específicos, usar as lives só para conversa, criar podcasts, entre muitas outras opções.

Com uma temática bem definida, é mais fácil que outras pessoas localizem seu trabalho na plataforma. Não é uma tarefa fácil, mas encontrar o equilíbrio entre a criatividade e um assunto popular pode trazer resultados muito positivos ao seu canal.

4. Crie uma identidade visual

A parte visual é muito importante no desenvolvimento do seu canal. Caso não tenha condições de melhorar os equipamentos de vídeo, como webcam e cenário, ainda é possível usar imagens e recursos gráficos para criar uma identidade do seu canal.

Use ferramentas como o Canva para construir a identidade visual do seu canal (Captura de tela: André Magalhães)
Use ferramentas como o Canva para construir a identidade visual do seu canal (Captura de tela: André Magalhães)

Crie banners, fundos e monte imagens para a contagem regressiva da live, por exemplo. Plataformas gratuitas, como o Canva, oferecem modelos personalizáveis para a capa do canal, enquanto o OBS Studio permite inserir todas essas imagens na transmissão.

5. Use outras plataformas para divulgar seu trabalho

As suas lives não precisam ficar limitadas à Twitch. Explore outras redes sociais, como Twitter, Youtube e Instagram, para divulgar o seu trabalho. Vale a pena publicar melhores momentos de lives passadas, reforçar o convite para futuras transmissões.

Use a ferramenta de clipes da Twitch para selecionar alguns vídeos curtos e publique-os nas redes sociais. Além disso, é recomendável salvar o VOD de sua transmissão para publicar cortes em vídeo em diferentes plataformas.

6. Participe do programa de afiliados

O programa de afiliados da Twitch traz um conjunto de recursos e ferramentas exclusivas para os streamers da plataforma. De forma gratuita, os afiliados recebem acesso a soluções para aumentar a monetização da plataforma, com níveis de inscrição e o envio de doações por bits.

Para ingressar no programa, é necessário seguir alguns requisitos. A Twitch exige um mínimo de 50 seguidores; média de pelo menos três espectadores simultâneos por live; mínimo de 8 horas totais de live nos últimos 30 dias e lives em 7 dias diferentes pelos últimos 30 dias.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: